Pica-pau de carne de porco

Coloque 500 g de carne em cubos num recipiente, adicione quatro dentes de alho picados, duas folhas de louro e uma malagueta seca. Tempere com sal e pimenta a gosto. Regue com uma cerveja e deixe a carne marinar durante uma hora.

Numa frigideira, verta um fio de azeite, deixe aquecer e adicione a carne escorrida, deixe saltear alguns minutos de ambos os lados, mexendo de vez em quando.

Adicione a marinada e deixe cozinhar durante cerca de dez minutos.

Passado esse tempo, acrescente uma colher de sopa de creme vegetal e duas colheres de sopa de mostarda, mexa e deixe cozinhar mais alguns minutos, retifique os temperos.

Retire a carne para um recipiente de servir e adicione os pickles picadinhos e azeitonas a gosto.

Acompanhe com fatias de pão e azeitonas.

(Fonte: Blogue “Sabores da Minha Cozinha”)

 

Pica-pau de carne de porco

 

Moelas de tomatada

Descasque e pique duas cebolas e dois dentes de alho. Coloque num tacho, junte 0,5 dl de azeite, leve ao lume e deixe alourar.

Junte 1 kg de moelas bem limpas, deixe saltear e tempere com sal, pimenta, um raminho de alecrim, duas folhas de louro e uma pitada de cominhos em pó.

Adicione dois tomates maduros, cortados grosseiramente, bem como quatro colheres de polpa de tomate, envolva tudo e refresque com 1 dl de vinho branco. Se necessário, acrescente um pouco de água e deixe cozinhar, em lume brando. Sirva com acompanhamento a gosto.

(Fonte: Teleculinária)

Moelas com tomate

Camarões estaladiços no forno com maionese de coentros

Pré-aqueça o forno nos 200 ºC.

Descasque 500 g de camarões (Camarão 60/80, idealmente com casca). Seque-os bem em papel de cozinha, coloque-os numa taça e envolva-os num fio de azeite.

Tempere-os com um pouco de sal e pimenta preta, junte um pouco de raspa de limão e envolva-os por fim no conteúdo de uma chávena almoçadeira de pão ralado.

Coloque-os num tabuleiro grande, sem ficarem sobrepostos, e leve-os ao forno durante cerca de oito minutos.

Miudezas, só de nome, pois de resto são grandes carnes e de boa linhagem à mesa
Miudezas, só de nome, pois de resto são grandes carnes e de boa linhagem à mesa
Ver artigo

A meio da cozedura, vire os camarões para que fiquem estaladiços por todo (os camarões devem ficar com uma textura al dente e o pão ralado deve ficar seco e dourado).

No último minuto, passe a assadeira para um nível superior e ligue a função grill com ventoinha, para acelerar e garantir que o pão ralado fica o mais estaladiço possível.

Entretanto, prepare a maionese.

Comece por picar duas colheres de sopa de coentros e reserve.

Coloque um ovo no copo da varinha mágica. Junte uma colher de sobremesa de mostarda Dijon, um pouco de sal e pimenta preta, 200 ml de óleo de girassol e 40 ml de  azeite extra virgem. Mergulhe a varinha mágica no copo, ligue-a e, lentamente, vá emulsionando a mistura, num movimento de baixo para cima.

Quando estiver bem ligada, passe para uma taça e junte 1 colher de chá de ketchup (opcional), os coentros picados e as raspas de limão.

Prove e retifique os temperos, se for caso disso. Sirva com os camarões acabados de sair do forno.

(Fonte: Blogue “Lume Brando”)

Camarões crocantes no forno com maionese de coentros

Túbaros de porco na frigideira

Cortar 1 kg de túbaros ao meio e retirar-lhes a pele.

Colocar os túbaros numa taça com água fria e 60 ml de vinagre durante duas a três horas.

Escorrer muito bem os túbaros. Cortá-los em pedaços para uma taça.

Temperar a carne com três dentes de alho picados, uma folha de louro, uma colher de chá de pimentão-doce, uma pitada de piripíri moído, sal e pimenta-preta. Regar com sumo de um limão. Mexer e deixar a marinar durante uma a duas horas.

Levar 15 g de banha de porco e 30 ml de azeite ao lume numa frigideira. Assim que derreter, colocar os túbaros bem escorridos. Quando estiverem cozinhados, retirar.

Colocar a marinada na frigideira e deixar reduzir o molho.

Colocar os túbaros numa travessa. Regar com o molho. Polvilhar com a salsa e os pickles.

(Fonte: Livro "Petiscos e Miudezas à Portuguesa")

Túbaros de porco na frigideira

Mexilhão em vinho alvarinho

Corte uma cebola em meias luas, um pimento vermelho em rodelas finas e esmague dois dentes de alho. Reserve.

Coloque um tacho ao lume com um fio de azeite. Deixe aquecer e adicione a cebola. Assim que começar a ficar translúcida, adicione o pimento e os dentes de alho. Mexa com uma colher de pau e deixe cozinhar em fogo médio cinco minutos.

Adicione uma colher de chá de pimenta em grão, uma folha de louro e um copo vinho alvarinho. Deixe cozinhar cinco minutos, com o tacho destapado.

Adicione 1 kg de mexilhão limpo, misture um pouco agitando o tacho, tape e deixe cozinhar em fogo alto até que o mexilhão abra. Sirva de imediato e aproveite os sucos depositados no fundo do tacho para "molhar" um bom pedaço de pão.

(Fonte: Blogue “Faz&Come”)

Mexilhão em vinho alvarinho

Amêijoas à Bulhão Pato

Lavar 1 kg de amêijoas (de preferência de bom calibre, do Algarve) para retirar todo e qualquer resíduo de areia. Deixar de molho por duas horas, com um pouco de sal e uma colher de sopa de farinha (opcional).

Num wok ou frigideira alta, fritar em três colheres de sopa de azeite, e dentes de alho esmagados, até este dourarem.

Junte as amêijoas e tape. Assim que começarem a abrir, refresque com um vinho branco de qualidade.

Servir de imediato, regado com sumo do limão e polvilhado com coentros picados.

(Fonte: Blogue “Receitas Para a Felicidade”)

Amêijoas à bulhão pato

Alheira no forno com migas de broa e couve

Pré-aquece o forno a 200 ºC.

Coza uma couve durante cinco minutos, num tacho com água a ferver temperada com sal. Esfarele 200 g de broa de milho e reserve. Numa frigideira, aqueça 1 colher de sopa de azeite e salteie dois dentes de alho, picados finamente, sem deixar ganhar cor. Junte a broa esfarelada e a couve cozida e escorrida, tempere com pimenta preta moída na hora e misture tudo.

Faça alguns furos sobre a pele de duas alheiras com um palito ou a ponta de uma faca.

Numa assadeira, coloque as alheiras e as migas de broa e couve. Leve ao forno pré-aquecido durante 25 a 30 minutos, virando as alheiras a meio do tempo de cozedura. Sirva de imediato.

(Fonte: Blogue “My Common Table”)

Alheira no forno com migas de broa e couve

Chouriço em vinho tinto

Aqueça previamente o forno a 200 °C (gás: 6). Coloque, numa assadeira pouco funda, um chouriço de carne, cortado às rodelas de 2 cm de grossura, seis colheres de vinho tinto seco, duas folhas de louro, um dente de alho esmagado, uma colher de sopa de azeite, q.b. de sal marinho e de pimenta preta moída na hora.

Leve ao forno durante 15 minutos, até a maior parte do vinho ter evaporado e o chouriço ter começado a libertar gordura.

Sirva quente num prato com pão estaladiço para embeber no molho.

(Fonte: Editora Vogais)

Para acompanhar esta receita passo a passo clique na imagem abaixo.

petisco

Pataniscas de bacalhau

Desfiar três a quatro postas de bacalhau previamente cozido e reservar.

Numa taça bater bem dois ovos com dez colheres de sopa rasas de farinha de trigo, uma colher de sopa de Maizena (amido de milho), 1 colher de chá de fermento. Juntar leite até formar um polme. Temperar com sal e colorau a gosto.

Adicionar salsa ´picadinha´ e o bacalhau envolvendo bem. Se notar a massa muito pesada, juntar um pouco de leite.

Numa frigideira, aquecer óleo e quando estiver bem quente colocar pequenas porções da massa, deixando fritar de ambos os lados. Escorrer em papel absorvente. Servir.

(Fonte: Blogue “Ananás e Hortelã”)

Pataniscas de bacalhau

Caracóis à portuguesa

Comece por lavar muito bem 1 l de caracóis em água corrente. Feito isto, leve-os a um tacho com água (dois dedos acima do nível de caracóis), durante dez minutos, sem acender o lume. Findo este tempo, dê aos caracóis uma breve cozedura de dez minutos de lume no mínimo.

Junte uma colher de sopa rasa de sal, um caldo de cozinha (galinha), seis dentes de alho com a casca, uma cebola picadinha, orégãos a gosto e um pouco de piripiri se for a seu gosto. Levante o lume no máximo e, quando levantar fervura, mantenha assim cinco minutos. De tempos a tempos retire a espuma que se forma. Desligue o fogão. Estão prontos a servir.

Caracóis à portuguesa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.