Esta ‘sabedoria popular’, tem muito de verdade e revela como internamente todos nós sabemos que há crenças e questões de fé que são inexplicáveis para cada um de nós, que sentimos de forma singular e que, por muitas questões que sejam feitas, por muitas afrontas que ocorram, continuam dentro de nós com a mesma força e veemência.

A verdade é que a fé de cada um de nós é, por norma, inabalável. No entanto, é, regra geral, em situações limite que percebemos onde se foca a nossa fé e qual o poder dela na nossa vida.

Por isso, seja qual for a nossa crença e a nossa fé, há três coisas que a fé inequivocamente nos ensina e que todos devíamos retirar como ilação prática para o nosso dia a dia. São elas:

1. Desenvolver a confiança interna

A verdade é que a fé tem o poder de nos mobilizar, de nos fazer agir e é com base na confiança da fé que muitas vezes, somos capazes de ultrapassar grandes desafios e obstáculos no nosso dia a dia. Por isso, a fé ensina-nos em primeiro lugar que é essencial sermos capazes de confiar e mais especificamente confiar em nós próprios e em tudo aquilo que somos capazes de intuir.

2. Desenvolver a empatia 

A fé coloca a nu a forma como todos temos perspectivas diferentes e diferentes verdades sobre o mundo. E, mais do que isso, mostra-nos que em algum momento esta diferença de perspectivas significa que alguma perspectiva seja incorreta. Assim, a fé ensina-nos a colocarmo-nos mais vezes no lugar do outro e a aceitar que todos temos diferentes verdades dentro de nós consoante tudo aquilo que fomos experienciando e vivenciando ao longo do nosso crescimento, das nossas relações e dos desafios que cada um de nós é chamado a ultrapassar. Por tudo isso, fazendo uma ponte com a fé, é quando conseguimos ser empáticos para com o outro, respeitar os seus pontos de vista e ter dentro de nós que, não porque a verdade do outro é diferente da nossa, que se torna inválida, que nos tornamos mais empáticos e justos.

3. Agir no sentido do que acreditamos

Além da fé nos mostrar que devemos acreditar, mostra-nos também que devemos agir de acordo com tudo aquilo em que acreditamos e alinharmo-nos com o nosso propósito. Assim, perante qualquer desafio, age e faz acontecer!

Assim, não nos esqueçamos que independentemente da nossa fé, independentemente de nos alinharmos ou não com a fé no nosso dia a dia, há ensinamentos universais que a fé nos traz e pelos quais, se nos regermos, estaremos mais próximos de alcançar o nosso bem–estar.

Um artigo das psicólogas clínicas Sara Almeida e Cátia Lopo, da Escola do Sentir.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.