Virgem-Carneiro

Muito organizados, os Virgens têm tendência para criticarem as reacções dos arianos, mas se estes souberem dar a volta por cima poderão entender-se, até porque sexualmente são bastante habilidosos. Como o Carneiro é do elemento Fogo e Virgem do elemento Terra, a ligação é viável mas um pouco difícil a longo prazo.

Como a mulher Virgem é romântica e sentimental, ela dá estabilidade ao homem Carneiro. No entanto, sendo ele independente e amando a sua liberdade, isto fará com que a virginiana se sinta insegura. O Carneiro não suporta as críticas da sua companheira Virgem, pelo que a união pode sofrer altos e baixos. Se a mulher Virgem for mais aventureira e o homem Carneiro mais velho, haverá mais possibilidade de formarem um casal compatível.

Se, pelo contrário, a mulher for do Signo de Carneiro e o homem de Virgem, a ligação será mais difícil pois ela é extrovertida e independente e ele é introvertido, terno e nervoso. Serão de prever crises e tensões, às quais se seguirão as reconciliações, mas o relacionamento terá sempre altos e baixos. O Carneiro é activo e o Virgem é a reflexão em pessoa. Enquanto o primeiro age pelas emoções, o segundo usa o seu intelecto. Na realidade são opostos, mas muitas vezes os opostos entendem-se: o Carneiro admirará a doçura, a suavidade e a inteligência de Virgem, que por sua vez porá ordem no caos do Carneiro. Por seu turno, o Virgem será mais flexível e menos extremista pela influência do Carneiro. São óptimos a trabalhar juntos pois o Carneiro é fogoso e impulsivo para empreender, e o Virgem tem ambição e paciência para se combinar com ele. Se souberem tirar partido das suas qualidades podem ganhar muito dinheiro. Sexualmente, entendem-se muito bem, pois o Virgem possui imaginação e o Carneiro possui o fogo da paixão, o que estimula uma atracção que pode durar por toda a vida.

Virgem-Touro

Pode dizer-se que se trata de duas almas gémeas. Os seus Signos encontram se em Trígono, que é uma posição muito harmoniosa. Ambos são responsáveis, perseverantes, tenazes e pertencem ao elemento Terra. Touro é regido por Vénus e Virgem por Mercúrio, e existe entre ambos uma grande admiração e respeito mútuo. O Touro fica fascinado com a forma de se expressar e a inteligência do Virgem, e este admira-se com a paciência e perseverança do Touro. O que é mais difícil a ambos é darem o primeiro passo para começar a relação. Por vezes pensam tanto que perdem a oportunidade, mas se o fazem e iniciam a relação, esta irá processar-se lentamente, mas com bases bastante sólidas. A segurança pessoal é muito importante para os dois poderem enfrentar o futuro, mas juntos podem projectar grandes coisas, como cultivar uma terra que aparentava ser improdutiva, fazer grandes negócios, ou abrir uma escola onde possam ajudar crianças com dificuldades familiares. Ambos apreciam a boa mesa, mas o Virgem, principalmente se for mulher, preocupa-se com a linha, e o Touro que se cuide pois ela é capaz de o pôr a dieta. Juntos podem desfrutar de uma harmonia agradável, em que o Virgem, tão perfeccionista, sucumbe ao encanto do Touro. Este tem dons para suavizar a vida do virginiano, aliviando lhe a tensão com uma boa massagem sensual, após um penoso dia de trabalho.

O homem Virgem é o companheiro ideal para uma mulher Touro, principalmente se ele for mais velho. Ele é romântico, ela é muito feminina, e como têm um relacionamento sexual excelente, e um amor duradouro, complementam-se bem, pois ambos procuram a estabilidade afectiva.
O homem Touro e a mulher Virgem também formam um par muito sólido. Têm os pés bem assentes na terra, são económicos e têm senso prático. Procuram a segurança material e trabalham bem para a adquirir. A longo prazo podem aborrecer-se com a rotina da vida (Vénus, regente de Touro, está em «queda» no Signo de Virgem) e a virginiana pode fazer sofrer o homem Touro por este não gostar de mudanças, mas os interesses materiais e familiares irão uni-los por muito tempo.

Veja mais combinações na próxima página

Virgem-Gémeos

Ambos regidos por Mercúrio, têm uma mente ágil, atenta e brilhante, já os seus elementos,  Terra. de Virgem e Ar de Gémeos, dão origem a diferenças significativas. O Virgem é ordenado e pontual, qualidades que faltam ao Gémeos, por isso ele fica fascinado pela estabilidade e responsabilidade que o Virgem lhe pode proporcionar. Se forem perseverantes, a relação entre eles pode ser muito boa. No entanto, o ângulo formado entre as suas posições do Sol é uma Quadratura, pelo que pode haver tensões nos primeiros encontros. Nunca será um amor à primeira vista, mas que se irá alicerçar com o tempo. Ultrapassados os primeiros atritos, podem estabelecer uma boa relação. Dado que o Gémeos é um Signo «duplo», um deles pode ser fantasioso e apaixonado enquanto o outro é frio e desligado, pelo que sexualmente pode deixar o Virgem completamente baralhado, uma vez que para ele tudo é planeado. O Virgem não se apaixona facilmente, a não ser que tenha, por exemplo, a Lua ou o Ascendente em Escorpião. Por isso, a sua relação amorosa poderá ser tranquila e tirar proveito das coisas boas que o Gémeos lhe pode proporcionar. O Virgem, cujo elemento é a Terra, é tenaz, responsável, observador e analítico. Ao passo que o Gémeos, do elemento Ar, é dinâmico, versátil e interessa-se e encanta-se com tudo. Isto leva a crer que não têm muito em comum, mas existe um magnetismo que os atrai e, juntos, poderão realizar muitas coisas importantes. O Virgem dará segurança ao Gémeos ensinando-lhe a não dispersar a sua energia. O Gémeos fará o Virgem entender o que é a flexibilidade e a ligeireza, e a não valorizar tanto o perfeccionismo pois, por vezes, isso faz-lhe perder tempo e a ocasião de aproveitar outras oportunidades.

Se a mulher for Gémeos, ela é a ideal para um homem Virgem. Uma vez que os dois Signos são regidos por Mercúrio, dão-se bem no plano intelectual, têm o sentido da comunicação e são muito humanos, fortes de espírito, mas também um pouco imaturos, o que os pode afastar. Os seus estilos de vida são diferentes. A geminiana é instável e extrovertida, enquanto o Virgem é prudente e introvertido. Os Signos «mutáveis» normalmente não vivem a sua vida juntos devido à sua instabilidade, mas isso depende do seu tema natal.

Se a mulher for Virgem e o homem Gémeos, a ligação é possível mas difícil pois têm personalidades diferentes. A virginiana privilegia a sua intimidade amorosa e a sua carreira, de modo que ela acha o Gémeos um tanto extravagante. Intelectualmente, por influência de Mercúrio, são bastante compatíveis e adoram conversar. O geminiano deve perceber que a virginiana é a mulher que lhe convém porque lhe dá estabilidade, mas mesmo assim estes dois, devido à sua instabilidade, tendem para algum afastamento. Uma ligação sem casamento é mais provável, principalmente se a virginiana for mais tolerante, no entanto uma mulher de Signo «feminino» entende-se melhor com um homem de Signo «masculino».

 

Virgem-Câncer

Virgem, Signo do elemento Terra, tem necessidade da Água do Câncer, daí o darem-se tão bem. Por seu lado, Câncer também precisa dos pés assentes na terra que o Virgem lhe proporciona para não se deixar embalar excessivamente pelos seus sonhos. Têm muito em comum como o gostar de trabalhar, de amealhar, e como o Câncer é intuitivo e o Virgem tem sentido prático e é inteligente, podem amealhar grandes fortunas. Um pequeno contra é o Câncer ser meigo e sensível e o Virgem ser mais racional e poder criticar o canceriano quando este está de mau humor. Têm de usar de toda a sua compreensão para se entenderem bem. A sexualidade entre ambos está longe de ser uma paixão efémera, e constitui um amor profundo e ilimitado. O Virgem entende bem o amor do Câncer que, por sua vez, o rodeia com a força e intensidade dos seus sentimentos, fazendo com que se sintam tão envolvidos um com o outro que seria difícil de imaginar. O Câncer é possessivo e desconfiado e aí está um grande problema pois pode aborrecer o Virgem com os seus ciúmes e inquisições, e este, que preza a sua liberdade, começa por reclamar suavemente e depois com sonoras réplicas. Para que o Virgem não fuja de vez, o canceriano terá de ter mais calma e não abafar tanto o seu parceiro. No entanto, este grande amor tem possibilidades de persistir por muito tempo, mesmo até que «a morte os separe».

Sendo o homem de Câncer, ele é regido pela Lua, e como tal sensível e terno, encontrando uma boa aceitação por parte da virginiana. Ambos tranquilos, necessitando de estabilidade e segurança afectiva, formarão um par feliz e sem problemas. Porém, o canceriano é dominador e gosta de mandar, ao que a virginiana não atende pois só faz o que tinha planeado. O canceriano pode ser, por razões profissionais, um tanto infiel, o que fará sofrer a virginiana, no entanto ela é-lhe tão devotada e tolerante que finge não perceber.

Sendo a mulher Câncer e o homem Virgem, este irá apaixonar-se por ela, que por sua vez o protege com o seu amor maternal. Sendo ambos Signos «femininos», são muito sensíveis, introvertidos, e desejam ter uma vida tranquila, sem surpresas, sem sobressaltos, enfim, sem tumultos. Construtivos sob o ponto de vista material, normalmente é ela que assume as responsabilidades familiares, pois ele pode ser mais imaturo; todavia isso poderá fazê-lo revoltar-se contra o domínio dela. Podem surgir rupturas na relação, mas sempre com possibilidades de reconciliação.

Veja mais combinações na próxima página

Virgem-Leão

Inseguro e analítico, o Virgem pode assustar-se com o ardor e a veemência do Leão, mas eles respeitam-se mantendo as distâncias. A Terra, elemento de Virgem, sente uma grande atracção pelo Fogo, elemento do Leão, e este, por sua vez, com a sua paixão e vitalidade, seduz o Virgem fazendo-o vibrar como nunca antes tinha acontecido. No entanto, o Leão gosta muito de mandar, o que afastará o Virgem que não aceita ser dominado. Virgem aprecia a vida organizada e perfeita, mas não perderá nada se, por influência de Leão, descobrir que há outros prismas por onde ver a vida e tirar mais partido da existência. Virgem não é pretensioso e por isso aceitará facilmente o protagonismo do Leão que, por sua vez, tendo o apoio e a segurança que lhe dá o Virgem, é capaz de enfrentar o mundo e conseguir tudo o que deseja. Sexualmente podem viver momentos de erotismo intenso e de paixão. Todavia, devido à sua fantasia e ingenuidade, o Leão pode chocar-se com o pragmatismo do Virgem. Se conseguirem superar as suas diferenças, formarão o par ideal, pois o Leão encontra toda a compreensão no Virgem e este sentir-se-á protegido pela fortaleza indestrutível do Leão, capaz de ir contra tudo e todos para defender o seu amor.

O homem Virgem, introvertido, tímido e pudico é dominado pela soberba da mulher Leão que o manipula facilmente, ela que é senhora de uma grande maturidade. A leonina ama o luxo, não é muito económica e despreza os homens fracos. O simples e servil virginiano faz tudo para lhe agradar, trabalha bastante para ter um bom nível de vida e servir a sua esposa real. No entanto, ele pode criticar a falta de humildade dela. Podem trabalhar juntos com sucesso e a mulher Leão nunca deixará o virginiano se ele lhe der segurança e conforto. Sendo a mulher Virgem, ela será seduzida pelo homem Leão. É uma esposa devotada, uma excelente amante e uma perfeita mãe de família o que muito satisfará o leonino. Tanto sexual como intelectualmente o entendimento será satisfatório. A virginiana devotada tratará o Leão como um rei. Mundano e extrovertido, o Leão não tem o sentido da economia, enquanto a virginiana é introvertida, reservada e económica. Poderão gerar-se tensões devido a estes diferentes traços do carácter que podem conduzir a um afastamento. Mas, um Signo «fixo», como o Leão, e um Signo «mutável», como o Virgem, normalmente vivem juntos muito tempo.

Virgem-Virgem
Com muitas ideias e valores em comum, e com mais sensibilidade do que querem aparentar, podem realizar um par perfeito, se não se criticarem mutuamente. Têm os mesmos defeitos e qualidades, amam o trabalho, são equilibrados, responsáveis, e, por vezes, demasiado lógicos, pelo que podem não tirar proveito das suas capacidades criativas. No entanto, podem usufruir, ambos, de momentos muito especiais. O interesse por assuntos científicos, médicos, e ervanários pode proporcionar-lhes conversas infindáveis. Mas são, também, um pouco hipocondríacos, daí o seu interesse por esses temas. Se nos seus temas natais os Signos lunares e os Ascendentes forem compatíveis, podem formar um par para toda a vida. Com mentes lúcidas e brilhantes, poderão empreender projectos por mais ousados que sejam e levá-los a bom termo. Com uma sexualidade profunda, saberão dar satisfação um ao outro. Se forem capazes de reconhecer os próprios defeitos e não tentarem culpar-se mutuamente, poderão ter uma relação terna e muito harmoniosa. Sóbrios, sérios e corajosos, eles sabem entender-se sem quase falarem. Sendo um par «em conjunção», entendem-se bem mas, primeiro que tudo, eles precisam de estabilidade afectiva, além de amarem o trabalho, o dinheiro e as economias. As suas carreiras serão o fundamento das suas vidas e formarão um par rotineiro e reciprocamente devotado.

A mulher Virgem tornar-se-á uma mãe protectora, principalmente se o parceiro for um tanto imaturo e instável. Poderão chegar a uma separação se houver problemas de dinheiro entre eles, mas se usarem de sabedoria poderão ter uma ligação para sempre.

Veja mais combinações na próxima página

Virgem-Balança

Ninguém melhor para entender um Virgem do que o Balança, que tal como ele, ama a perfeição, o equilíbrio e a ordem. A eficácia do Virgem encanta o libriano e, como ambos são inteligentes e cultos, talentosos e com gostos refinados, poderão formar uma união inteligente, onde partilharão os seus gostos artísticos, onde poderão viajar e experimentar toda a qualidade de emoções. Poderá haver um contra: é que o Balança gosta de despertar a admiração dos outros e de fazer charme, enquanto o Virgem é mais circunspecto e nas reuniões sociais não se sente muito à vontade, a não ser que esteja no meio de amigos, pois tem dificuldade em integrar-se. São bons para trabalhar em conjunto, pois o Virgem é lógico e o Balança tem mais sentido prático, o que resulta em eficiência. No intercâmbio das suas qualidades, o Virgem ajuda o Balança a ser mais analítico, crítico, a saber tomar decisões. Este, por sua vez, ensina o Virgem a ser mais sociável e não se rodear tanto de silêncios. A sexualidade entre eles é muito especial, já que o Balança necessita de ser adorado, mas a ligação entre eles será profunda e apaixonada, se nos seus mapas natais, houver planetas colocados em Signos de Fogo.

Se a mulher for Virgem e o homem Balança, a compatibilidade é boa, uma vez que a virginiana é devotada ao marido, aos filhos, e o libriano ficará encantado com uma mulher tão perfeita em tudo. Mas ela precisa de ternura e estabilidade, e pode ficar ciumenta com as infidelidades do Balança. A vida dos dois pode ser próspera porque ela trabalha bastante e estimulam-se reciprocamente.

No caso contrário, a mulher Balança e o homem Virgem, a ligação será mais difícil a longo prazo, pois têm modos de vida diferentes. Ela é extrovertida e social, enquanto ele só quer ter uma vida simples e eficaz. O virginiano é um homem tímido, que privilegia a sua carreira e trabalha para dar segurança e estabilidade ao seu lar.
A libriana tem tendência para dar ordens e o Virgem, conquanto lhe seja devotado, ao fim de algum tempo só fará o que entender. Com o tempo podem vir a ter dificuldades pois a libriana quer tomar as iniciativas e o Virgem tem dificuldade de decidir. Mesmo que existam tendências para a separação, a ligação será mais estável se o virginiano for mais velho.

Virgem-Escorpião

O romance entre os dois pode ser excitante se o virginiano não se assustar com as habilidades sexuais do Escorpião. No entanto eles necessitam um do outro pois o elemento Água de Escorpião é o único que amacia a Terra do Virgem. Podem ser um pouco reservados no primeiro encontro, pois ambos são tímidos e têm receio de se deixar levar pelas emoções, mas depois a força do Escorpião envolverá suavemente, mas com energia, o Virgem e este mostrar se á tal como é e deixar-se-á seduzir. Ambos são leais e desinteressados no amor, mas a fusão será perfeita quando o Escorpião se entregar completamente. O Escorpião é a personificação do mistério, nada o surpreende pois tem dons de premonição e emana um tal magnetismo que é difícil resistir-lhe. O Virgem admira essa superioridade, assim como a segurança que tem para enfrentar o Mundo, mas por sua vez, acalma o seu espírito inquieto e vagabundo e tortura se sem qualquer razão. É aí que o Virgem é o elemento que o acalma e lhe dá o equilíbrio necessário para viver. Estimulam-se mutuamente e dão o melhor deles próprios. Têm também, ambos, as mesmas ambições materiais e partilham o mesmo amor pelo trabalho.

Se a mulher for Virgem e o homem Escorpião, ela, sentimental e submissa, devota-se inteiramente ao seu Escorpião, no entanto não será muito fácil para ela, pois o Escorpião é um homem apaixonado mas agressivo que terá de aprender a respeitar a sua mulher. Por sua vez ela deve dar-lhe toda a independência de que ele necessita. Sendo os dois introvertidos, mais inibida a virginiana, mais secreto o Escorpião, podem vir a destruir-se. Como signos «femininos», são sujeitos a ansiedades e depressões. Podem vir a ter discussões, mas com possibilidades de reconciliação. Mesmo que tenham tendência para a ruptura, o amor pelos filhos e os interesses materiais poderão evitar a separação.

No caso do homem ser Virgem e a mulher Escorpião, este é fortemente atraído por ela, que lhe dará muito afecto, a ponto de não poder passar sem ela. O virginiano é muito inocente e a Escorpião pode manipulá-lo facilmente. Também aqui os dois são ambiciosos no plano material e podem trabalhar juntos com sucesso. A virginiana pode achar o Escorpião um tanto imaturo e podem criticar-se mutuamente; no entanto, têm muitas afinidades e cumplicidades. Se ocorrer uma ruptura entre estes dois seres, essa separação será dolorosa. No entanto, os interesses materiais e familiares podem ajudar a evitar esse afastamento. Se o virginiano for mais velho será melhor a compatibilidade entre os dois.

Veja mais combinações na próxima página

Virgem-Sagitário

Sagitário é um optimista e, caso o Virgem não lhe queira encontrar defeitos, este poderá ser o ideal para ele, se bem que nunca deverá prendê-lo pois o Sagitário ama a sua liberdade. Pelo seu lado o Sagitário sente-se, também, muito atraído pelo Virgem, que lhe pode dar segurança, disciplina e perseverança. Para o Sagitário a vida é uma festa, mais ou menos agradável, mas sempre fascinante, o que ajudará o Virgem, muito trabalhador e prático, a ver a existência de outra forma. O Virgem ensinará ao Sagitário a diplomacia e os bons modos, enquanto aprenderá com ele a generosidade, o altruísmo e o dar valor à liberdade. Virgem tem dificuldade em abrir o seu coração e mostrar os seus sentimentos e o Sagitário deverá ter muito cuidado para não ferir a sua susceptibilidade. Em relação ao dinheiro, o Sagitário é muito gastador, mais despreocupado, mas também generoso na forma de o repartir. Virgem, mais prudente e austero, é mais recatado na forma como o despende. Já no gosto de viajar estão ambos de acordo, no entanto, o Sagitário é mais aventureiro do que o Virgem e não o deixará descansar.

Na sexualidade, o Sagitário vive o amor com fogosidade e alegria, contagiando o Virgem, mais moderado, e as sensações que viverão juntos, fazem com que sintam o amor com enorme intensidade. No caso particular de a mulher ser Virgem e o homem Sagitário, a ligação é possível, embora com alguns contras, pois a virginiana ambiciona ter uma vida calma, tem necessidade de segurança afectiva e estabilidade, enquanto o sagitariano é extrovertido e social, pelo que gosta de viajar, de se divertir com os amigos, de ter espaço para as suas múltiplas aventuras. Além disso gosta de luxo e gasta muito dinheiro, o que assusta a virginiana, que é prudente e económica. São como a cigarra e a formiga. Mas como «Signo masculino» Sagitário tem tendência para proteger a virginiana, e como ambos amam a família e os filhos, esse é um ponto de estabilidade para a sua união. A virginiana é ciumenta e muitas vezes critica o seu parceiro, o que dá origem a disputas, mas a que se seguem, geralmente, reconciliações. Mesmo que haja tendência para a separação existirá melhor compatibilidade se o sagitariano for mais velho. O mesmo se dá, caso o homem seja Virgem e a mulher Sagitário. Ela, sociável e extrovertida, aprecia a liberdade e a independência. Ele, mais reservado e introvertido, gosta da vida do lar e adapta se bem à rotina. Normalmente é ela que comanda a vida do casal. A sagitariana não aprecia as lides domésticas e não suporta as críticas do virginiano. Têm ambos os mesmos defeitos e dupla personalidade. Mesmo havendo probabilidades de separação ou divórcio, os interesses materiais e familiares poderão evitar a quebra de ligação. Melhor compatibilidade se o virginiano for inteligente e a sagitariana mais burguesa ou se ele for mais louco e ela mais aventureira.

Virgem-Capricórnio

Apesar de terem os mesmos objectivos de vida, nem sempre haverá uma grande paixão entre eles, mas o Capricórnio irá ficar maravilhado com a Virgem pois ela dar-lhe-á satisfação e segurança. Têm muitas coisas em comum como a amabilidade, a seriedade, a circunspecção. Para eles o trabalho está sempre em primeiro lugar, têm um grande sentido do dever, pelo que juntos poderão fazer uma equipa perfeita, que enfrentará qualquer situação. Ambos  adoram o dinheiro e aquilo que podem adquirir com ele, tal como uma casa confortável, onde gozem a sua intimidade e o prazer da boa música. Entendem-se maravilhosamente no amor. A sexualidade é para eles profunda, emotiva e terna, com paixão na dose certa, que fará as delícias da relação. Com bom sentido de humor e uma mente muito rica, terão conversas interessantes e divertidas. No plano das viagens, se o Virgem deixar o assunto nas mãos do Capricórnio, tudo bem, pois ele tratará de tudo na perfeição, fazendo com que a viagem seja tranquila e relaxante. Visitarão lugares lindos onde comerão bem e gozarão os prazeres de um belo pôr-do-sol. O Virgem aprende com o Capricórnio a planificar e a não perder tempo com detalhes, e por sua vez ensina-lhe a valorizar as pequenas coisas e a não perder os amigos e os negócios.

Sendo a mulher Virgem e o homem Capricórnio, ele será muito atraído por ela, têm muitas afinidades, aliam o dever à fidelidade, gostam de trabalhar e de ganhar dinheiro. Sérios, reservados e introvertidos, não irão casar se de ânimo leve, uni-los-ão a razão e os interesses. Têm o sentido da responsabilidade e reúnem as suas vidas profissionais e familiares. O capricorniano é autoritário e gosta de dar ordens à virginiana que, como Signo de serviço que é, aceita-as, mas ele, por vezes, torna-se distante e ela tem necessidade de provas de amor e ternura. Podem criar um negócio juntos com possibilidade de sucesso. Com uma afectividade sólida e profunda a uni-los, podem formar um casal unido e feliz. No caso do homem Virgem e da mulher Capricórnio a situação é idêntica, eles têm uma boa compatibilidade intelectual e uma estima recíproca. Sérios e estáveis, entendem-se perfeitamente no dia-a-dia. No entanto, há uma diferença de maturidade: a capricorniana é mais precoce, enquanto o virginiano é mais tardio. Por vezes o silêncio instala-se entre eles e a capricorniana sente-se só, pelo que podem separar-se se os interesses familiares e materiais não forem muito fortes. Devem preencher as suas vidas com viagens e projectos para fugirem à rotina. Na velhice terão boas economias para enfrentarem a reforma.

 Veja mais combinações na próxima página

Virgem-Aquário

O Virgem  poderá sempre ter com o Aquário bons temas de conversa, mas uma coisa que não pode é impor-lhe regras, porque um Signo do Elemento Ar não se pode tentar prender porque sairá correndo. Grande diferença de personalidade os separa: enquanto o Virgem é ordenado, preciso e amigo da rotina, o Aquário é imprevisível, despistado e, por vezes, até extravagante. O Aquário, que é muito amigo do seu amigo, tem várias relações de amizade e não suporta que o Virgem o critique. Além disso, gosta de sair com os seus amigos e nem sempre regressa a horas como o Virgem desejaria. Também não é fiel e, se vir que a relação não resulta corta com ela. No entanto, a personalidade do Virgem fascina-o e o seu bom coração maravilha-o, de tal modo que tentará conquistá-lo. Sexualmente, não são dados a paixões, amam-se tranquilamente, mas, como o Virgem ocupa a liderança, a sua relação será cada vez mais forte e intensa, de maneira a esquecerem as suas diferenças. O Aquário gosta de viajar e descobrir sítios nunca antes explorados, o que irá divertir bastante o circunspecto Virgem. O Aquário não é minucioso nem ordenado, e irá aprender isso com o Virgem. Este, por sua vez, irá conhecer o que é a ousadia e a independência com o Aquário, além da facilidade em fazer amizades.

mulher Virgem e o homem Aquário podem fazer um par, tanto possível quanto um Signo de Terra se liga com um Signo de Ar. São ambos muito humanos, entendem-se bem intelectualmente, mas o aquariano é muito independente, extrovertido, revolucionário mesmo, e tem muita necessidade de liberdade. A virginiana, virtuosa e fiel aos seus compromissos, sentimental e romântica, necessita de afecto e sente-se derrotada quando o aquariano não lhe dá a atenção de que necessita, pois ele preocupa-se mais com os outros do que com ela própria. Ela, na ânsia de se ver respeitada, impõe-se pelas críticas que ele não suporta. Daí, algumas discussões e possibilidades de separação, no entanto, interesses comuns podem evitar que esta se dê. Se a virginiana for de temperamento alegre, poderá perdoar as lacunas do aquariano.

No caso de o  homem ser Virgem e a mulher Aquário, também poderá dar um casamento moderado. Aqui é a aquariana que é extrovertida, com necessidade de liberdade e com gosto pelas amizades e o virginiano mais introvertido, romântico, e com necessidade de estabilidade material e afectiva. No entanto, como são muito humanos, podem completar-se, embora possam ter tendência para discutir. Como o virginiano é trabalhador e corajoso, põe o seu trabalho em primeiro lugar, e a aquariana, como boa dona de casa, entretém-se no seu lar e gere bem o que o seu parceiro ganha com o trabalho. No entanto, os dois podem ser um tanto imaturos. O Aquário é infiel, além de que pode ausentar-se por razões profissionais, ao passo que a virginiana é paciente e fecha os olhos, acabando tudo por entrar na ordem. Se o virginiano for mais velho a compatibilidade será maior pois ele entenderá a originalidade da aquariana.

Virgem-Peixes

Crítico e analítico, o Virgem é o oposto do sonhador e romântico Peixes. No entanto, o Virgem deve abster-se de críticas, pois um pouco de romantismo na sua vida também lhe faz falta. A Água de Peixes é necessária à Terra de Virgem pois amacia-a e fertiliza-a. Por isso o Peixes, apesar de ser o oposto de Virgem, sente-se muito atraído por ele. É a atracção dos opostos. Peixes é sensível, intuitivo, dá com mais prazer do que recebe, mas tem os seus sentimentos bem guardados no fundo da sua psique. Virgem, senhor da razão e da lógica, não entende o enigmático Peixes com as suas intuições, muitas vezes acertadas, mas, ao mesmo tempo, as suas inseguranças, falta de decisão e medos que, por vezes, atingem o caos. Virgem, com o seu sentido prático e sempre com a solução para todos os problemas, dá segurança ao Peixes, que tem medo da vida e ainda mais do futuro. Por vezes o Peixes é assaltado por crises de melancolia e mudanças de humor que o Virgem não entende bem, mas sempre acolherá com toda a ternura e amenizará os seus medos e receios, até porque uma coisa que o Virgem gosta é de que necessitem dele. Por outro lado, o Virgem deve ser cauteloso em não ferir as susceptibilidades do Peixes, que com a sua clareza e transparência, e apesar de não mentir, gosta de guardar os seus segredos e viver no seu mundo, onde a fantasia e a realidade se confundem. A sexualidade para o Peixes é fascinante e proporcionará ao Virgem sensações fortes e intensas como ele nunca sentiu, e isso será uma grande força para a união ser duradoura.

Sendo a mulher Virgem e o homem Peixes, eles são atraídos um pelo outro, pois apesar de opostos são complementares. Ambos «Signos femininos», são muito devotados um ao outro. Bastante românticos, desejam ter uma vida tranquila com muita ternura a uni-los. O pisciano faz a virginiana sonhar, mas ele não será sempre fiel e ela ficará ciumenta, no entanto, como ela tem os pés assentes na Terra, suporta as suas fraquezas. Sendo uma mulher muito ordenada, orienta a sua vida do dia-a-dia e estabiliza o pisciano. No entanto, ele aborrece-se e tem tendência a evadir-se, a sonhar e andar à deriva. Sendo «Signos mutáveis», é difícil viverem juntos toda a vida, para mais têm os mesmos defeitos, um dos quais a instabilidade. Podem surgir incompreensões que os afastarão. Como Signos opostos, tanto podem ser regidos pela complementaridade como pelo antagonismo, pelo que devem esforçar-se por se adaptarem às suas diferenças.

Se a mulher for Peixes e o homem Virgem, a situação será idêntica, atraem-se por serem opostos mas, ao mesmo tempo, complementares. A pisciana sonha com um príncipe encantado e o virginiano corresponde aos seus sonhos pois é romântico e compreende as mulheres. Mas ele precisa de segurança material, portanto, tem de organizar a sua vida e assumir essa responsabilidade pelos dois, pois ela é muito sonhadora no seu dia-a-dia. Mas, também neste caso, os dois podem ser instáveis. Devem tentar adaptar-se às suas diferenças para que a união resulte. Parece haver uma melhor compatibilidade se o virginiano for mais velho.


Mar Portuguez

Rua de São Marçal, nº111
Lisboa
Telefone: 21 343 34 10
Visite o site

 Veja as previsões do Amor de Paulo Cardoso para o signo de Virgem

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.