Em destaque

Horóscopo de Peixes

Previsores

Biografia

Vera Xavier trabalha com o Tarot desde 2002. Terapeuta, formadora e palestrante na área do Desenvolvimento Pessoal, Coaching e Reiki. Ministra cursos de Tarot, Meditação e Reiki.

Agenda

Formação Tarot:
INSCRIÇÕES ABERTAS
Curso Lisboa (Semanal ou mensal) - setembro
Curso Porto - outubro
Online - outubro

Consultas

Lisboa - De terça a sexta
Porto - 4 de outubro
Coimbra - 18 de outubro

Contactos

Morada: Rua Teixeira de Pascoais, Lisboa

Peixes - 22 de Outubro de 2019

A Tentação

“Quem põe ponto final numa paixão com o ódio, ou ainda ama, ou não consegue deixar de sofrer.” Olvídio
Isto é quase uma verdade absoluta… quase!
Esta é uma carta que fala muito em paixões, sejam elas materiais ou emocionais. A paixão pode ser uma óptima aliada nos momentos de fragilidade, ela é o fogo e o entusiasmo, que tanta falta sentimos por vezes! No entanto, o lado pouco luminoso da paixão pode ser muito perigosa e levar-nos por caminhos deveras complicados e estreitos, tão estreitos que não nos deixam voltar para trás… Fique atento/a às tentações!

***

O nosso site de consultas de Tarot - O Tarot de Ísis - está pronto!
www.tarotdeisis.com
Faça já a sua consulta de onde estiver de forma segura, discreta e rápida.
Esperamos por si!
By Vera Xavier

Peixes - 21 a 27 de Outubro de 2019

2 de Espadas

Há duas coisas indicam fraqueza: calar-se quando é preciso falar, e falar quando é preciso calar-se. (Provérbio Persa)

E, por norma, baralhamos muito estas nossas opções. Poucas são as vezes em que conseguimos manter-nos calados. Os nossos mecanismos de defesa então formatados dessa forma. Reagimos ao primeiro sinal de ataque, seja ele real ou não. Os nossos medos, traumas e outros que tais, impendem-nos de parar e pensar sensatamente. Outras vezes, no sentido de evitar “guerras” decidimos pura e simplesmente, deixar de comunicar e é precisamente o que esta carta indica, que pode estar numa fase de acentuada falta de comunicação entre si e a sua “metade” e/ou família. Pode indicar também que há qualquer assunto ou questão que não está a querer “ver”, compreender ou mesmo aceitar.

Este Arcano pede que veja essas questões de outro ponto de vista. Inverta posições no caso de envolver outras pessoas. Estamos muito habituados a ver tudo apenas do nosso ponto de vista, o que evidentemente é pouco e bastante egocêntrico.

O conselho desta semana é: comunique bastante mais mas ouça também. Ouça sem defesas e sem pré-conceitos. Esteja receptivo/a e se tiver de mudar de ideias, mude, porque isso não é sinal de fraqueza, mas sem de inteligência e de boa formação moral.

***

O nosso site de consultas de Tarot - O Tarot de Ísis - está pronto!
www.tarotdeisis.com
Faça já a sua consulta de onde estiver de forma segura, discreta e rápida.
Esperamos por si!
By Vera Xavier

Peixes - 2019

O Imperador

Sendo Peixes um signo duplo e de água, é bem divertido ver O Imperador a regê-los este ano. O Arcano IV é um dos mais terrenos e sólidos… o oposto dos Peixinhos.

O que é que O Imperador traz este ano? A necessidade de colocar os dois pés no chão.

Criar estrutura para não andar ao sabor do vento, ou seja, dos acontecimentos.

Criar filtros para não deixar entrar tudo o que os outros dizem e fazem porque a a vossa sensibilidade é grande, logo, facilmente a/o magoam.

Criar uma auto-estima bem mais saudável para que ultrapasse os obstáculos de forma tranquila, até exemplar. 

Criar uma auto-estima mais forte para amar de forma mais livre, mais madura e independente.

Criar planos de acção coerentes e exequíveis para se focar nos objectivos, sejam eles quais forem, sem se dispersar (eis o grande desafio!)

E depois, dar o primeiro passo sem vacilar, sem hesitação. O primeiro passo é o mais importante, é o que dá o mote e o ritmo. Ao trabalho! (Sim, O Imperador é o arcano do trabalho)

Amor

O Imperador nos afectos…

Como já combinámos em cima, sublinho que, este ano, é, ou deveria ser, para aprender a amar de uma outra forma. Este Arcano pede novas e mais maduras posturas no Amor. Temos de eliminar da nossa mente a crença de que, e é verdade, nós precisamos de ninguém. Quando entramos nesta forma de pensar e estar com os outros, as relações adoecem. O caminho faz-se lado a lado. Nenhum dos dois pode estar sempre no comando; nem o outro pode ser sempre o subserviente. Um dia estamos mais frágeis, pedimos e recebemos colo. Amanhã ele/a está mais desanimada, damos nós motivação e elogios. Somos todos frágeis e fortes, todos! As pessoas saudáveis, do ponto de vista emocional, sabem disto.

Colinho é bom e faz bem e todos sabemos dá-lo. Não sabe, não teve, aprende! Prometo que não é difícil.

Às queridas Peixinhas que estão entre relações (sentiram a subtileza?), é bem possível que surja um moçoilo jeitoso - O Imperador. Ah, amigas/os, cuidado com as imagens mentais muito definidas dos homens/mulheres perfeitas! Estamos todos longe da perfeição.

Trabalho

O que O Imperador gosta de trabalhar! Ele gosta de trabalhar porque sabe que é capaz, porque isso lhe dá segurança e porque sabe que - por norma - é competente.

Não gosta muito de depender de alguém, é um facto, por isso, esfola-se para subir rapidamente, mas sempre com trabalho dele, com trabalho árduo suado. Ele é honesto. Ele é leal.

Quer avançar na carreira? Quer mais poder? Quer mais segurança?

Sim. Sim. Sim.

Tudo isso pode acontecer, Peixinho.

Com dedicação e afinco consegue lá chegar. Pouco importa se é ao topo da carreira; se é o início; uma mudança, o que importa é que o que vem aí pode ser mais consistente e isso vai trazer-lhe mais segurança.

Espiritual

O Imperador não é, de todo, uma carta espiritual. Ele é o número 4, o número da matéria e masculino, é o número da Terra. 

Ora, O Imperador poderia ser o Arcano do cépticos e dos ateus: ‘Eu só acredito no que vejo e no que compreendo’.

A espiritualidade não é fácil de explicar porque não é tão racional assim.

A espiritualidade, parte fundamental do nosso crescimento global, tem muito mais a ver com a sensibilidade, com a intuição, com o fazer sentido ao coração, com o incansável e com o que é incompreensível à mente racional.

A fé é difícil de explicar mentalmente, verdade? Pois é... a isso chama-se Fé.

A nossa vida espiritual e pessoal são, ou deveriam ser, unas.

No fundo, nós crescemos enquanto alma sendo boas pessoas, sendo generosas, sendo verdadeiras. O que a nossa alma nos pede é isso: genuinidade e coerência.

Talvez o Imperador venha ensinar os Peixinhos a dar e a receber de forma mais justa e equilibrada. Isto porque, como eu digo muitas vezes, ser boazinha não é ser tonta. Não tem nada a ver com submissão nem com servidão. Nada disso.

Filhos de Neptuno, aprendam a respeitar-se e a perceber quais são os vosso limites e não os ultrapassem nem deixem que os outros o façam. 

Biografia

Vera Xavier trabalha com o Tarot desde 2002. Terapeuta, formadora e palestrante na área do Desenvolvimento Pessoal, Coaching e Reiki. Ministra cursos de Tarot, Meditação e Reiki.

Agenda

Formação Tarot:
INSCRIÇÕES ABERTAS
Curso Lisboa (Semanal ou mensal) - setembro
Curso Porto - outubro
Online - outubro

Consultas

Lisboa - De terça a sexta
Porto - 4 de outubro
Coimbra - 18 de outubro

Contactos

Morada: Rua Teixeira de Pascoais, Lisboa

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa , as nossas notificações ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.