"Todo o cuidado é pouco, temos de treinar, capacitar", disse Graça Freitas, em conferência de imprensa, em Lisboa, onde foi feito um novo balanço sobre a infeção pelo novo coronavírus (2019-nCov).

Graça Freitas referiu que Portugal está a preparar-se para uma "eventual escalada de infeções", pelo que foi dada indicação às unidades de saúde (hospitais e centros de saúde) para que os planos de contingência sejam "atualizados, reformulados, reavivados" de forma a haver profissionais formados e treinados e equipamento de proteção disponível.

A Direção-Geral da Saúde e o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge tiveram hoje reuniões de trabalho com as administrações regionais de saúde, hospitais, Instituto Nacional de Emergência Médica, laboratórios e entidades aeroportuárias para "atualizar procedimentos" face ao surto do '2019-nCov'.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.