Reduzem o chamado colesterol mau e cuidam simultaneamente do seu coração. O salmão, o atum, a sardinha, a cavala e a anchova fazem parte da lista. As gorduras presentes no peixe azul estão associadas a uma menor mortalidade por doenças cardiovasculares e a uma maior esperança de vida. Para além dos efeitos saudáveis que têm no sistema cardiovascular, os ácidos gordos ómega-3 que integram na sua composição também beneficiam o correto funcionamento do cérebro.

Mas as vantagens nutricionais deste alimento não se gostam aqui. Estas populares e apreciadas variedades piscícolas ajudam a combater patologias como a psoríase, a osteoporose, a artrite reumatoide. Em muitos casos, também previnem os problemas de tiroide. Ingira-os, pelo menos, três vezes por semana, cozidos, grelhados ou assados, acompanhados com saladas frescas e/ou legumes cozidos, salteados ou grelhados. Indicamos-lhe, de seguida, 10 motivos para consumir este tipo de peixe.

1. Tem gorduras boas

O aumento da quantidade de ácidos gordos monoinsaturados e de ácidos gordos poli-insaturados ómega-3 na alimentação tem inúmeros benefícios para a saúde. De acordo com os especialistas, as gorduras boas presentes nos peixes azuis, pelas suas características nutricionais, estão associadas a uma menor mortalidade por doenças cardiovasculares e também a uma maior esperança de vida.

2. Contém proteínas

Tal como a carne e os ovos, as proteínas do peixe contêm todos os aminoácidos essenciais de que o nosso organismo precisa. É o caso da lisina, que é fundamental para o crescimento das crianças. Outro exemplo é o triptofano, que estimula a produção de serotonina, um neurotransmissor importante no processo bioquímico do sono e responsável pelas sensações de bem-estar.

3. Reduz o colesterol

Além de fornecer vitaminas e sais minerais essenciais, como o iodo, o peixe azul é rico em ácidos gordos ómega-3, gorduras benéficas que aumentam o colesterol bom (HDL) e diminuem o mau (LDL).

4. Contém vitaminas

É rico em vitamina A, essencial à visão e benéfica para a saúde da pele e dos tecidos superficiais, mas também fornece vitamina D, fundamental para a absorção de cálcio e de fósforo. Entre as suas vantagens nutricionais está ainda a vitamina B12, necessária ao metabolismo do organismo.

5. Mineraliza

Estes peixes contêm, além do iodo, minerais como o cálcio, essencial para os ossos e para os dentes. Na sua composição, conta também com o magnésio, essencial para o funcionamento dos músculos. Também fornece ao organismo o fósforo, imprescindível ao cérebro.

6. Combate o cancro

Os ácidos gordos ómega-3 reduzem o crescimento das células cancerígenas humanas e contribuem para a recuperação das defesas em diferentes tipos de tumores.

7. Beneficia a gravidez e o feto

Um estudo científico levado a cabo por uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina de Harvard, nos EUA, concluiu que as mulheres que comem peixe azul durante a gravidez, para além de garantirem algumas das vitaminas e dos ingredientes essenciais, ao fazê-lo, também ajudam a aumentar a capacidade cognitiva dos bebés que carregam no ventre.

8. Agiliza a digestão

Este peixe facilita o trabalho digestivo do estômago, porque, para além de ter um baixo conteúdo de colagénio, também é construtuído por proteínas são pouco fibrosas. Para que não se torne pesado e consequentemente mais difícil de digerir, evite fritá-lo ou refogá-lo. É preferível cozinhá-lo na grelha, ao vapor, no forno ou em papelote.

9. É muito versátil

A variedade é grande. Não só de peixes que se enquadram nesta categoria mas também nas (muitas) formas que existem de os cozinhar. O atum, a cavala, o salmão, a sardinha, a anchova e até a enguia têm doses elevadas de ácidos gordos ómega-3.

10. Encontra-se facilmente

O peixe azul é um alimento muito completo. Mas tem ainda outra vantagem. Não só existem centenas de receitas para o confecionar como também existem inúmeras formas de o comprar, nomeadamente fresco, congelado, fumado ou ainda em conserva. É só escolher!

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.