O estudo, que utilizou dados de 65 milhões de crianças dos cinco aos 19 anos de 193 países, revelou que a altura e o peso das crianças em idade escolar, considerados indicadores de saúde e qualidade da dieta, variam enormemente em todo o mundo.

análise publicada na revista The Lancet revela que em 2019 os rapazes de 19 anos mais altos viviam na Holanda, com uma média de 183,8 centímetros de altura, e os mais baixos em Timor Leste, com 160,1 centímetros. 

10 alimentos que lhe devolvem anos de vida
10 alimentos que lhe devolvem anos de vida
Ver artigo

A equipa, que analisou dados de mais de 2.000 estudos entre 1985 e 2019, descobriu que em 2019, em média, os adolescentes mais altos do mundo estavam no noroeste e centro da Europa. Enquanto isso, os jovens de 19 anos mais baixos viviam no Sul e Sudeste Asiático, na América Latina e na África Oriental.

Segundo o estudo agora publicado, existe uma diferença de 20 centímetros entre os jovens de 19 anos entre as nações mais altas e mais baixas, o que representa uma lacuna de crescimento de oito anos para as meninas e de seis anos para os meninos.

O estudo sugere por exemplo que, em média, um rapaz de 19 anos do Laos tem a mesma altura (162,8 centímetros) que um rapaz de 13 anos na Holanda. Na análise conclui-se ainda que aos 19 anos uma rapariga no Guatemala, Bangladesh ou Nepal tem a mesma altura (152 centímetros) que uma menina de 11 anos na Holanda.

O maior aumento na altura das crianças e adolescentes nos últimos 35 anos verificou-se na China e Coreia do Sul.

Embora os cientistas reconheçam que a genética desempenhe um papel importante na altura e no peso do ser humano, a nutrição e o meio ambiente são fundamentais na desenvolvimento saudável das crianças e adolescentes, refere o estudo. 

15 coisas que nos tiram anos de vida
15 coisas que nos tiram anos de vida
Ver artigo

A equipa alerta ainda que a falta de alimentos de qualidade pode levar a um crescimento atrofiado e ao aumento da obesidade infantil, afetando a saúde e o bem-estar de uma criança para toda a vida.

Os 10 países com os meninos mais altos em 2019 (19 anos)

Holanda (183,8 cm), Montenegro (183,3 cm), Estónia (182,8 cm), Bósnia e Herzegovina (182,5 cm), Islândia (182,1 cm), Dinamarca (181,9 cm), República Checa (181,2 cm), Letónia (181,2 cm), Eslováquia (181,0 cm), Eslovénia (181,0 cm);

Os 10 países com os meninos mais baixos em 2019 (19 anos)

Timor-Leste (160,1 cm), Laos (162,8 cm), Ilhas Salomão (163,1 cm), Papua Nova Guiné (163,1 cm), Moçambique (164,3 cm), Guatemala (164,4 cm), Nepal (164,4 cm), Iémen ( 164,4 cm), Bangladesh (165,1 cm), Madagáscar (165,2 cm);

Os 10 países com as meninas mais altas em 2019 (19 anos)

Holanda (170,4 cm), Montenegro (170,0 cm), Dinamarca (169,5 cm), Islândia (168,9 cm), Letónia (168,8 cm), Estónia (168,7 cm), Sérvia (168,3 cm), República Checa (168,0 cm), Lituânia (167,6 cm), Samoa Americana (167,6 cm);

Os 10 países com as meninas mais baixas em 2019 (19 anos)

Guatemala (150,9 cm), Bangladesh (152,4 cm), Nepal (152,4 cm), Timor-Leste (152,7 cm), Madagáscar (153,1 cm), Laos (153,1 cm), Filipinas (154,1 cm), Maldivas (154,3 cm), Indonésia (154,4 cm), Peru (154,4 cm).

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.