As acções de formação decorrerão nos 21 restaurantes que aderiram à iniciativa, sendo ministradas por formadores da Escola de Hotelaria e Turismo do Porto e da UNIHSNOR (União de Hoteleiros e Similares do Norte).
O Festival vai privilegiar a gastronomia e a doçaria como elementos diferenciador e caracterizador do turismo da Maia, incluindo receitas cuja confecção seja pouco conhecida. No plano da oferta gastronómica; o desenvolvimento do Festival passa pelo marketing empresarial da restauração e da hotelaria e pela contribuição para o inventario da gastronomia local, que mais tarde irá integrar o Programa Nacional:
Gastronomia - Património Cultural.
O Festival será complementado por diversas acções de animação, desde exposições de pintura a artesanato maiato e a música ao vivo, com especial destaque para o Fado.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.