A Lua Cheia em Leão é, todos os anos, uma das mais fortes a nível energético, não só porque Leão é um signo cheio de magnetismo e com uma energia impossível de ignorar como, também, porque Leão é regido pelo Sol — que, na Lua Cheia em Leão, lhe está sempre oposto, o que gera uma certa tensão energética. Para além dessa intensidade habitual, este ano a Lua Cheia em Leão ocorre em simultâneo com um evento cósmico  pouco frequente e muito significativo: a conjunção de Vénus e de Marte, que se encontram no grau 16 de Capricórnio.

A Lua é o princípio feminino, o Sol o princípio masculino; Vénus representa o feminino, Marte o masculino e, como tal, esta polaridade energética estará duplamente enfatizada, iluminada pela Lua Cheia.

É sabido que no período da Lua Cheia há maior tendência para que nos sintamos inquietos, muitas vezes sem saber porquê, para termos insónias e para que as emoções estejam mais à flor da pele, escapando muitas vezes ao nosso controlo. Neste caso esta propensão pode ser ainda mais evidente, já que a energia dominante nos apresenta uma importante dicotomia: o que eu quero e o que o outro quer, o que eu preciso e o que posso ter neste momento.

Leão é um dos signos mais generosos do Zodíaco mas é também conhecido pelo seu egocentrismo e vaidade; Aquário, sendo o seu signo oposto, pode ser extremamente frio porque é desapegado a nível emocional, mas é aquele que mais se preocupa com "o outro", com o coletivo em que se insere, com as consequências que as suas ações terão na comunidade. É, pois, este equilíbrio entre o ego e o coletivo, que também pode apresentar-nos maiores desafios durante estes dias.

Marte e Vénus não estão muito afastados mas não é habitual formarem uma conjunção, isto é, encontrarem-se exatamente no mesmo grau. Este ano haverá duas conjunções de Vénus e Marte, a primeira no dia 16 de fevereiro e a segunda no dia 3 de março, a qual será ainda mais intensa porque Plutão estará também em conjunção a Marte e a Vénus. Considera-se uma conjunção quando dois ou mais planetas se encontram a menos de 8 graus de distância, o que significa que esta conjunção começou no início de fevereiro e irá prolongar-se por dois meses, aproximadamente. As datas apresentadas são aquelas em que, sendo a conjunção exata, os seus efeitos de fazem sentir com maior impacto. Uma conjunção de Marte e de Vénus traz uma energia renovada — ainda que muito intensa e nem sempre fácil de gerir — para a vida amorosa e também para o setor financeiro. Em fevereiro, quando esta conjunção ocorre no signo Capricórnio, Marte estará em destaque, já que tem maior poder quando está neste signo.

A Lua Cheia em Leão pode trazer uma oportunidade inesperada — ou há muito esperada — para mudar drasticamente a sua vida amorosa. Um novo amor pode surgir no horizonte, um amor do passado que ficou por resolver pode voltar a estar presente, ou pode haver uma drástica mudança na dinâmica do seu relacionamento.

Aproveite a Lua Cheia em Leão para manifestar — isto é, para exprimir de forma clara ao Universo, afirmando com convicção aquilo que deseja — um novo amor, se o deseja, ou um novo impulso num relacionamento já existente.

Tenha em atenção, ainda assim, que as emoções estarão mesmo muito exaltadas, o que faz com que seja fácil perder o controlo das situações.

Tal como uma cafeteira com leite que se encontra ao lume e que atinge o ponto de ebulição, o que facilmente pode fazer com que o leite transborde, os seus sentimentos — e os dos outros — estarão agora exponenciados. Isso significa que pode e deve usar esta energia para atrair o amor que sonha viver, quer esteja só, quer tenha um relacionamento, mas que é preciso ter algum cuidado porque pode haver maiores atritos devido ao facto de as emoções estarem tão exacerbadas.

A Lua Cheia em Leão é boa para:

- fazer rituais para atrair o amor ou reacender a chama da paixão;
- dinamizar um relacionamento, retomando a intensidade e o fulgor;
- avançar com um projeto, especialmente se ele estiver relacionado com a área afetiva ou com a esfera financeira;
- dar um novo impulso a parcerias de negócios;
- apostar numa mudança de visual;
- cortar o cabelo para ele crescer com mais volume.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.