“O futuro está nas mãos das mulheres”, assim defende Kjell A. Nordstrom, guru do novo mundo dos negócios, que esteve quarta-feira em Lisboa, no âmbito do Encontro Woman Talk.

Consultor pessoal de Richard Branson, o patrão da Virgin, e eleito pela Thinkers 50 como o 9º no mundo e 1º na Europa no domínio do management, Nordstrom é defensor da teoria “EVElution”, segundo a qual os valores masculinos no mundo dos negócios são assunto do passado...

“Ser homem já não é uma vantagem”, diz o co-autor de “Funky Business”, best-seller internacional e considerado um dos melhores livros de negócios pela Fortune, Times Magazine, Financial Times e outros órgãos de comunicação.

Apreciado pelo seu dinamismo e ideias inovadoras, Nordstrom é da opinião que “a feminização das estruturas vai ser a única forma de ter sucesso”.
No manifesto Karaoke Capitalism. Maganement for Mankind (em que é co-autor com Jonas Ridderstrale), o famoso consultor sueco critica a imitação institucionalizada e masculinizada que torna as empresas vulneráveis.

Com a sua combinação pouco ortodoxa de rigor académico e lógica de pensador livre, Nordstrom tornou-se num dos speakers mais apreciados a nível mundial e tem conseguido comprovar que só a imaginação e a inovação colocam as sociedades, as organizações e os indivíduos no centro do palco.
O futuro, como gosta de repetir, está nas mãos das mulheres, sendo essencial apostar nas suas potencialidades para que haja um progresso efectivo e sustentável.

Empreendedorismo Feminino

Da teoria para a prática, e também no âmbito do Woman Talk, o Secretário de Estado da Presidência de Conselho de Ministros, Jorge Lacão, fez a apresentação das oportunidades de Empreendedorismo Feminino previstas no âmbito da última tranche dos Fundos Comunitários, entre 2007 e 2013.

Integrado no Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN), o Programa Operacional do Potencial Humano engloba medidas concretas de apoio ao empreendedorismo, associativismo e criação de redes empresariais de actividades económicas geridas por mulheres (Eixo Prioritário 7).
O objectivo é promover estratégias e apoio ao empreendedorismo das mulheres e incentivar o associativismo e a criação de redes, favorecendo o auto emprego, a capacidade empresarial e a qualidade da sua participação na vida activa.

Segundo Jorge Lacao, por efeito da democratização do País, a nova geração de homens e mulheres é intelectualmente equiparável e existe igualdade de direitos, mas na prática há que superar os factores de discriminação e que encontrar respostas efectivas para a conciliação da vida privada com a vida profissional, pois - por razões ainda sociais e culturais - a mulher continua com a dupla tarefa de trabalhar e de organizar a vida familiar, o que a coloca em desvantagem.

Ainda nas palavras do Secretário de Estado, em Portugal a percentagem de mulheres com participação activa na sociedade é superior aos 60 por cento; contudo no mundo do empreendedorismo esse valor fica apenas pelos 17 por cento.

Jorge Lacão apela ainda ao sentido de responsabilidade social das empresas para combater a discriminação nos seus quadros, para estimular a igualdade de oportunidades.

Programa Operacional do Potencial Humano
Candidaturas podem ser submetidas até 15 de Março de 2008
Site oficial: Eixo Prioritário 7: Igualdade de Género

Texto: Ana Margarida Lázaro

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.