Sabe o que deve fazer aos lenços de papel que usa depois de se assoar? É aconselhado o uso de máscara se todos os elementos da família estiverem na mesma divisão? E os objetos domésticos podem ser partilhados sem problema ou existem restrições? Em tempo de dúvidas e incertezas, a Direção-Geral da Saúde definiu um conjunto de regras que os cidadãos devem respeitar para que o isolamento profilático cumpra o seu objetivo, a não propagação do vírus.

Esta medida de afastamento social tem sido recomendada a cidadãos que apresentam sintomas de covid-19, a pacientes aos quais já foi identificada a doença e ainda a pessoas que aguardam o resultado do teste à presença no novo coronavírus no seu organismo ou que tenham estado em contacto com um ou mais doentes infetados no decurso das últimas semanas. Alguns dos conselhos preventivos podem, contudo, ser seguidos por toda a população.

1. Permaneça em casa

Não saia de casa. Se possível, adira ao teletrabalho. Se não tiver essa possibilidade, evite ao máximo os transportes públicos e os táxis, até que lhe seja dito que é seguro fazê-lo. Peça ajuda e/ou efetue pedidos por telefone ou pela internet se necessitar de mantimentos, de compras ou de medicamentos. Nessas situações, a entrega deve ser sempre feita no exterior da casa, sem haver contacto com os estafetas ou com os distribuidores.

2. Mantenha-se afastado de outras pessoas na sua casa

Se estiver numa habitação privada e foi-lhe recomendado isolamento profilático, permaneça separado de outras pessoas em casa, idealmente numa sala ventilada, com janela para o exterior, com a porta sempre fechada. Utilize uma casa de banho diferente dos restantes membros da família. As toalhas e os restantes utensílios de higiene também não devem ser partilhados. Tome banho só depois das restantes pessoas.

Se estiver numa habitação partilhada, com espaços de convívio comuns, permaneça no seu quarto, com a porta fechada, saindo apenas quando for estritamente necessário. E, sempre que o fizer, coloque uma máscara. Evite ainda utilizar os espaços comuns com outras pessoas presentes, mesmo no período das refeições. Apenas deve frequentar a sua casa, durante este período de isolamento profilático, quem viver nela.

3. Ligue sempre antes de visitar o seu médico

Muitas das consultas têm sido desmarcadas desde que o novo coronavírus na origem da covid-19 chegou a Portugal. Evite, por isso, deslocações desnecessárias ao seu médico assistente e ligue previamente para os serviços de saúde, averiguando alternativas, no caso de necessitar de opinião médica. Muitos estabelecimentos de saúde, médicos, enfermeiros e até companhias de seguros disponibilizam atendimento online, para além do telefónico do SNS 24.

4. Utilize uma máscara para se proteger

Para se proteger da covid-19 e do novo coronavírus que a provoca, utilize uma máscara sempre que estiver em contacto com outras pessoas em casa ou na rua e também quando for visitar um médico, caso lhe tenha sido recomendado. Caso não possa usar uma máscara por qualquer razão, as pessoas com quem vive devem usar uma quando estiverem na mesma divisão, como recomendam inúmeros especialistas um pouco por todo o mundo.

5. Lave sempre as mãos

Em casa como na rua, este é o gesto de prevenção a que as autoridades de saúde nacionais e internacionais mais apelam. Lave as mãos ou ajude a pessoa de quem está a cuidar a lavar as mãos. Isto deve ser feito frequentemente e com água e sabão durante, pelo menos, 20 segundos, secando bem as mãos de seguida. Antes, durante e depois desse gesto de higiene, evite tocar nos olhos, no nariz e na boca, como também recomendam médicos e enfermeiros.

6. Proteja as pessoas à sua volta quando tosse e espirra

Tape a boca e o nariz com um lenço descartável quando tossir ou espirrar. Deite, depois, no lixo os lenços de papel, seguindo as indicações que encontra no ponto 10. Sempre que o fizer, lave imediatamente as mãos com água e sabão durante pelo menos 20 segundos, secando-as bem. Os cuidadores e os conviventes de pessoas com covid-19 confirmado ou à espera dos resultados do teste devem usar lenços descartáveis para limpar o muco expelido pelo espirro ou pela tosse.

7. Evite ao máximo partilhar objetos domésticos

Durante a fase de isolamento profilático aconselhada pelas autoridades, não partilhe pratos, copos, chávenas, utensílios de cozinha, toalhas, lençóis nem outros itens com pessoas que vivam na sua casa, quando os mesmos forem utilizados por si ou por uma pessoa com covid-19 ou à espera dos resultados do teste.

Após a utilização desses objetos, lave-os com água e sabão à mão ou na máquina de lavar loiça. Se estiver a aguardar resultado de análise a uma potencial infeção do novo coronavírus, após utilização de roupa, lençóis e toalhas, estes devem ser colocados num saco de plástico devidamente identificado, até saber o resultado de teste.

8. Monitorize os sintomas

Registe a sua temperatura corporal duas vezes por dia, se se sentir febril, cansado, com tosse e/ou com falta de ar. Procure atendimento médico imediato se sentir que esses sintomas pioram. Ligue para a linha telefónica SNS 24 e, se necessário, informe a autoridade de saúde local ou o profissional de saúde de quem lhe tenha sido fornecido o contacto. Se for uma emergência e precisar de uma ambulância, informe o operador da chamada da sua situação.

9. Não receba visitas em casa

Apenas deve frequentar a sua casa quem viver na mesma, como defendem inúmeros profissionais de saúde. Não convide nem permita que outras pessoas entrem em sua casa durante este período de isolamento. Caso seja urgente falar com alguém que não viva consigo, faça-o por telefone ou por mensagem através das redes sociais. O recurso às videochamadas é uma das formas mais seguras de poder ver a cara de familiares, colegas e amigos nesta fase.

10. Separe cuidadosamente os resíduos

Todos os resíduos que as pessoas produzem nesta fase de isolamento, como é o caso dos lenços de papel com que se assoam e das máscaras que usam, devem ser colocados num saco de plástico devidamente fechado. Coloque, de seguida, esse saco dentro de um segundo saco, também ele fechado.

Se ainda aguarda os resultados do teste à covid-19, não descarte mas também não acumule esses resíduos até saber o resultado, como aconselham inúmeros profissionais de saúde um pouco por todo o mundo. Nessa altura, será, então, instruído sobre o que fazer com esse lixo. Após receber essa informação, deve segui-la à regra, para reduzir toda e qualquer possibilidade de contágio.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.