O autarca socialista, que respondia a uma questão colocada pelo vereador do PSD, Hermenegildo Costa, professor de profissão, adiantou que as medidas da DGS já estão a ser encaminhadas para os estabelecimentos de ensino do concelho.

"O município está a acompanhar a situação. Estamos atentos a todas as informações. Recebemos hoje um conjunto de medidas preventivas da DGS e já começámos a distribuir essa informação", afirmou, no período antes da ordem do dia da reunião camarária.

José Maria Costa adiantou que a câmara municipal está a "analisar, em conjunto com as autoridades de saúde", o evoluir da questão, "mas sem alarmismos".

"Vamos tomando as medidas que forem achadas convenientes. Não temos notícia do agravamento das medidas de precaução e, nesse sentido, não há motivos para implementar o plano de contingência", referiu.

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, apelou hoje às pessoas que regressem de Itália ou de outras áreas afetadas pelo novo coronavírus e que não apresentem sintomas da doença para não se deslocarem aos serviços de urgência.

Em caso de início súbito de tosse, febre ou dificuldade respiratória, a pessoa deve ligar para o centro de contacto do Serviço Nacional de Saúde SNS 24 (808 24 24 24) e evitar permanecer em espaços confinados e com muitas pessoas, disse à agência Lusa Graça Freitas.

"Estamos a falar de espetáculos, de centros comerciais e isto só se aplica aos próximos 14 dias depois de as pessoas voltarem de uma área afetada", explicou a diretora-geral da Saúde.

Graça Freitas sublinhou que estas são "as grandes recomendações", além da lavagem frequente das mãos, da medição da temperatura duas vezes por dia para ver se aparecem os sintomas e então ligar para a Saúde 24.

As pessoas devem também observar se "os seus amigos, os seus parentes, os seus contactos próximos desenvolvem sintomas e nesse caso ligar também para o SNS 24".

Até à data, disse Graça Freitas não há casos confirmados de Covid-19 em Portugal.

O balanço provisório da epidemia do coronavírus Covid-19 é de 2.800 mortos e mais de 82 mil pessoas infetadas, de acordo com dados reportados por 48 países e territórios.

Das pessoas infetadas, mais de 33 mil recuperaram.

A Organização Mundial de Saúde declarou o surto do Covid-19 como uma emergência de saúde pública de âmbito internacional e alertou para uma eventual pandemia, após um aumento repentino de casos em Itália, Coreia do Sul e Irão nos últimos dias.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) registou 25 casos suspeitos de infeção, sete dos quais ainda estavam em estudo na quarta-feira à noite.

Os restantes 18 casos suspeitos não se confirmaram, após testes negativos.

O único caso conhecido de um português infetado pelo novo vírus é o de um tripulante de um navio de cruzeiros que foi internado num hospital da cidade japonesa de Okazaki, situada a cerca de 300 quilómetros a sudoeste de Tóquio.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.