A Pinto Lopes Viagens não é uma agência como as outras. Isto é, não se limita a marcar voo e hotel de cinco estrelas com pacotes de visitas obrigatórios incluídos. Em vez disso, programa viagens à medida e organizadas por temas, alargando os horizontes do viajante com o auxílio precioso de quem gosta do que faz. E não, não são agentes turísticos, mas sim chefes de cozinha, escritores e até um maestro, que propõem conduzir um grupo que parte de Portugal à descoberta de destinos mais ou menos exóticos escolhidos por estes guias.

No caso de Henrique Sá Pessoa, que se prepara para abrir o restaurante Alma no Chiado, a escolha recaiu sobre dois destinos de caráter marcadamente gastronómico.

De 11 a 14 de outubro, o chefe sugere explorar a riqueza dos restaurantes da capital dinamarquesa. Não sendo possível a reserva no Noma, várias vezes considerado o melhor restaurante do mundo, será o D'Angleterre Marchal e o Geranium a fazer as honras da mesa. Mas Copenhaga tem muito mais para oferecer na reinvenção dos pratos clássicos, na descoberta dos pratos locais e da gastronomia nórdica. A viagem (€2.445) inclui estadia e refeições em alguns dos melhores restaurantes, sendo uma delas confecionada por Henrique Sá Pessoa em conjunto com o grupo de viajantes.

De 1 a 4 de novembro é o País Basco a merecer a atenção do chefe, num verdadeiro roteiro gastronómico que inclui alguns dos restaurantes mencionados no Guia Michelin como o Azurmendi, o Etxebarri  ou o Ni Neu, onde terá lugar a refeição confecionada por Henrique Sá Pessoa. São quatro dias de cultura, arquitetura, tradição, paisagem, história e boa mesa reunidos numa viagem (€1.695) que promete ser inesquecível.

Para apresentar os seus programas de viagens, Henrique Sá Pessoa participou num workshop onde ensinou a fazer a sua versão de truta salmonada com pickles de cebola, ingredientes muito populares na Dinamarca, e de pescada com molho pil pil verde, adaptada da cozinha basca.

Além da mencionada pesca do bacalhau à Noruega com Hélio Loureiro, o chefe de cozinha que também viaja com a seleção nacional de Futebol, a Pinto Lopes conta entre os seus guias com escritores como Raquel Ochoa, José Luís Peixoto, Gonçalo Cadilhe e José Rodrigues dos Santos e ainda o maestro Rui Massena.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.