O criador junta a aura da luz de um verão entre Ibiza e Mykonos e cria “Eivissa”. Esta coleção marca o regresso de Luís Onofre à leveza colorida das inesperadas combinações de cores e materiais, ao mesmo tempo que reinventa a marca num novo paradigma de sustentabilidade. O uso de peles de animais chega ao fim sendo substituídas por tecidos, as aplicações são livres de níquel e a madeira ou até a cortiça dão forma aos saltos.

Nas cores: As cores celebram o mar das ilhas e destacam um espectro de azuis entre o turquesa e o cobalto, em contraste com o morango, o coral e o branco. Os castanhos terra servem de união e ajudam na transição para o preto.

Nos materiais: O grande destaque vai para o desenvolvimento de alternativas mais sustentáveis, onde o tecido ganha relevo na sua multiplicidade de texturas e padrões. As aplicações são livres de níquel e tanto podem ser metálicas como bordadas. Os saltos surgem em raiz de madeira (pau-santo, freixo, ébano real) ou até em cortiça.

Veja as propostas da marca e da designer para a próxima primavera/verão 2020:

Imagens: Ugo Camera/ModaLisboa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.