Sementes, flores, frutos e folhas. Um ciclo de vida que se renova como magia - a primavera, ou o primeiro verão, simboliza o nascimento e o crescimento da Natureza, a fertilidade da Terra que se regenera.

Floria são amuletos que guardam a memória de amostras botânicas e que ilustram a beleza, a simplicidade e a renovação da primavera. Feitos com técnicas de decalque e de fundição, as formas naturais, recolhidas dos campos bravos e selvagens, celebram esta época que se veste de flores e vegetação de tons vivos e brilhantes.

Folhas de Roseira, Dentes de Leão, pequenas Bolotas, sementes de Freixo ou Gramíneas, transformados em prata, de forma realista, em texturas de altos e baixos relevos, que lembram a vida, as cores e os perfumes desta estação do ano.

Atualmente as joias Inês Telles podem ser encontradas nas principais cidades europeias, bem como nas lojas do Museum of Modern Art (MoMA) de São Francisco, do Museum of Contemporary Art de Chicago ou até mesmo no Japão.

Criadas no seu estúdio-oficina em Lisboa, as joias Inês Telles, feitas em prata e ouro, compõem cuidadas e pequenas coleções. No seu estúdio, recantos decorados com elementos da natureza e objetos que traz dos lugares que vai vivendo, são uma extensão e referência nas criações da joalheira.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.