A importância dos preliminares é decisiva quando se fala em orgasmo feminino. "Os homens são muito focados no clitóris, para o seu toque, porque sabe-se que é a zona mais erógena da mulher mas, se esse contacto for realizado numa fase muito precoce, quando não há excitação, torna-se desconfortável. É pois essencial começar pelos afetos e pelos beijinhos", sugere Maria do Céu Santo, especialista em medicina sexual.

"A estimulação do clitóris é fundamental, mas não se devem iniciar os preliminares logo pelo toque", adverte a especialista. "Daí que seja importante que a mulher saiba e sinta o que lhe dá mais prazer e passe essa informação, naturalmente, ao parceiro", acrescenta ainda também a médica ginecologista obstetra.

"Na mulher, após a menopausa, o prepúcio tem tendência a aderir ao clitóris, o que diminui a sensibilidade deste, logo, aumentando a dificuldade de se chegar ao orgasmo", explica a especialista. "Tal resolve-se, geralmente, com facilidade, com lubrificante e uma massagem nessa zona", esclarece ainda Maria do Céu Santo. A escolha das posições sexuais a adotar, que são muitas e variadas, também é decisiva.

Os aliados do orgasmo feminino

Maria do Céu Santo aponta estratégias importantes para aumentar o prazer que a mulher sente:

- Descubra o seu mapa erógeno

"A masturbação é um poderoso aliado e permite traçar o seu próprio mapa, que servirá de ponto de partida para perceber que, por exemplo, chega ao clímax mais facilmente através da estimulação de algumas zonas do corpo", defende.

- Exercite os músculos do pavimento pélvico

"Ao fazê-lo, ativa as terminações nervosas do clitóris, o que desperta a libido, favorece a penetração e facilita o orgasmo. Os exercícios de Kegel, antes ou durante o ato sexual, tal como as bolinhas de Ben Wa, também ajudam a preparar a mulher para o clímax", informa a especialista.

- Fuja da rotina

"É essencial o casal combater a monotonia com imaginação e criatividade", sugere Maria do Céu Santo.

- Tire 30 minutos de férias por dia

"Não para cumprir obrigações, mas para estar consigo mesma ou fazer algo que lhe dê prazer", sublinha a médica ginecologista.

Texto: Carlos Eugénio Augusto com Maria do Céu Santo (médica ginecologista obstetra especialista em medicina sexual)

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.