Valorizar as tradições gastronómicas da região é um dos objectivos do XVI Congresso de Gastronomia do Minho. Trata-se de fazer o registo de receituários com 50 anos de vivência, que fazem parte da memória colectiva daquela região. O destaque vai para a cozinha popular, que pode obedecer a outras designações: étnica, familiar, caseira, tradicional...
O turismo rural, os produtos agro-alimentares, as confrarias gastronómicas, a ligação à Galiza, tudo faz parte da personalidade minhota, que tem como protagonista, neste congresso, a cidade de Guimarães.
Os preços de inscrição no Congresso variam conforme o programa, o alojamento, os almoços, os acompanhantes e a pertença à confraria, entre 25 e 300 euros.
Para mais informações, contacte a RTAM pelo telefone 258 820 270.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.