Os auscultadores purificadores de ar Dyson Zone™ são a primeira incursão da Dyson na tecnologia utilizável. O Dyson Zone™ é um conjunto de auscultadores over-ear com cancelamento de ruído e de alta-fidelidade, que oferece em simultâneo um som envolvente aos ouvidos e um fluxo de ar purificado ao nariz e à boca.

Resultado de mais de uma década de investigação e desenvolvimento sobre a qualidade do ar, os auscultadores purificadores de ar Dyson Zone™ combatem em simultâneo as questões urbanas da qualidade do ar e da poluição sonora.

À medida que a população urbana do mundo continua a crescer, a Organização Mundial da Saúde (OMS) calcula que 9 em cada 10 pessoas do mundo respiram ar que excede os limites de emissões poluentes das diretrizes da OMS. Apesar da poluição por dióxido de azoto ter diminuído durante a pandemia de COVID-19, os níveis rapidamente regressaram ao normal ou excederam mesmo os níveis pré-pandemia em muitas cidades globais.

Calcula-se que mais de 100 milhões de pessoas, cerca de 20% da população europeia, seja alvo de uma exposição de longa duração superior ao aconselhado pelas diretrizes da OMS.

Jake Dyson, Research & Development Director, afirma: “A poluição do ar é um problema global, afeta-nos em todos os locais onde vamos. Nas nossas casas, na escola, no trabalho e enquanto viajamos, quer seja a pé, de bicicleta, de transporte público ou privado. O Dyson Zone™ purifica o ar que respira enquanto se movimenta. E, ao contrário das máscaras faciais, proporciona uma lufada de ar fresco sem tocar no rosto, graças a filtros de alto desempenho e a duas bombas de ar em miniatura. Ao fim de seis anos de desenvolvimento, estamos entusiasmados por poder oferecer ar puro e áudio puro, em todo o lado."

Seis anos e 500 protótipos

Os auscultadores purificadores de ar Dyson Zone™ baseiam-se na experiência de 30 anos da Dyson em fluxo de ar, filtragem e tecnologias de motores e numa profunda compreensão da qualidade do ar interior e exterior. Os compressores em cada concha atraem ar através dos filtros de dupla camada e projetam dois fluxos de ar purificado para o nariz e a boca do utilizador, canalizados pela viseira sem contato.

Reentrâncias esculpidas na viseira garantem que o fluxo de ar purificado se mantém perto do nariz e da boca e é diluído o mínimo possível por ventos cruzados externos.

O Dyson Zone™ oferece um áudio envolvente e proteção contra os ruídos urbanos indesejados graças ao cancelamento de ruído ativo (ANC - active noise cancelling), baixa distorção e uma resposta de frequência neutra, replicando fielmente a música ou áudio tal como é pretendido pelo criador.

Com uma boquilha semelhante à que se usa no snorkel e dotada de uma mochila para alojar o motor e os mecanismos internos, os auscultadores purificadores de ar Dyson Zone™ evoluíram drasticamente ao longo dos seis anos em que estiveram em desenvolvimento.

Dyson Zone
Dyson créditos: Dyson

Mais de 500 protótipos viram um motor, inicialmente colocado na cabeça, transformar-se em dois compressores, um em cada concha, e a conversão da boquilha de snorkel numa viseira eficaz e sem contacto total com o rosto e que fornece um novíssimo mecanismo de fornecimento de ar limpo.

O desenvolvimento de uma solução sem contato era uma exigência para os engenheiros da Dyson, para evitar o desconforto e a irritação frequentemente associados ao contacto total. Por conseguinte, a viseira era um elemento crítico.

Os canais de fluxo de ar e o design da viseira são fundamentais para fornecer ar puro. As formas geométricas da viseira e das reentrâncias da viseira, em conjunto com a malha central que difunde os dois jatos de fluxo de ar, garantem que o ar purificado que sai dos filtros é eficazmente canalizado para o nariz e a boca nos ventos cruzados, e adaptado à forma facial específica do utilizador.

Indo além dos métodos de testagem existentes, os engenheiros da Dyson utilizaram um manequim que respira, dotado de pulmões mecânicos de qualidade médica e equipamentos de deteção, que "inala" a poluição replicando os padrões da respiração humana numa câmara controlada. Posteriormente, mediram o nível de poluição no nariz e na garganta para determinar a eficácia da filtragem das partículas que, de outro modo, iriam parar ao pulmão artificial do manequim.

Compressores de alta precisão nas conchas atraem o ar através dos filtros de dupla camada, concebidos de forma inteligente de modo a caberem no espaço altamente restrito de um auscultador.

O meio filtrante com carga eletrostática negativa capta partículas ultrafinas como alergénios e partículas de fontes como pó dos travões, combustão e construção industrial, ao passo que uma camada de carbono enriquecida com potássio capta poluentes gasosos urbanos como dióxido de azoto e dióxido de enxofre.

O compressor canaliza o ar purificado para o nariz e a boca do utilizador através da viseira sem contacto, formada com reentrâncias flexíveis que canalizam o fluxo de ar purificado para o nariz e a boca do utilizador.

Uma abordagem científica

Tratando-se esta da primeira incursão no universo do áudio, os engenheiros da Dyson adotaram uma abordagem científica, optando por não confiar numa abordagem do estilo "golden listener" que tantos outros seguem. A equipa de engenheiros de som e de acústica da Dyson procurou criar um áudio excelente baseado em métricas e sustentado por testes de audição exaustivos.

O resultado: um áudio puro e rico e cancelamento de ruído avançado. Apesar das restrições de espaço inerentes a um dispositivo utilizável, os engenheiros da Dyson desenvolveram um sistema eletroacústico de neodímio de alto desempenho em cada concha.

Uma ampla resposta de frequência, um equilíbrio preciso do volume entre os canais esquerdo e direito e uma distorção significativamente abaixo da que o ouvido humano consegue detetar resultam numa reprodução fiel, tal como pretendida pelos músicos ou criadores.

Dyson Zone
Dyson créditos: Dyson

Através da resolução de um problema criado pela própria Dyson, os engenheiros desenvolveram um sistema de cancelamento de ruído avançado. Em conjunto, a atenuação passiva do dispositivo e o ANC, graças ao seu conjunto único de microfones, reduzem o ruído ambiente indesejado, oferecendo anulação de ruído avançado em casa, no trabalho e quando está em movimento.

As conchas almofadadas, amplas e angulares, moldam-se aos ouvidos do utilizador, com uma densidade de espuma e força de aperto da bandolete especificamente projetadas para oferecer em simultâneo conforto e uma redução do ruído ideal.

Projetado para oferecer conforto

Cada cabeça do planeta é única. Sendo este o primeiro produto utilizável da Dyson, os engenheiros da Dyson tiveram de pensar no conforto de uma nova forma.

Uma investigação profunda das formas geométricas da cabeça e do rosto permitiu aos engenheiros calcular como os auscultadores purificadores de ar Dyson Zone™ assentariam e funcionariam em diferentes cabeças, fornecendo informações sobre a força de aperto da bandolete, a forma geométrica e os materiais da viseira, a ajustabilidade da máquina e muito mais.

Inspirando-se na forma e no design de uma sela de cavalo, o Dyson Zone™ foi concebido para distribuir o peso pelos lados da cabeça e não no topo. Uma sela geralmente curva-se sobre a coluna do cavalo, distribuindo a carga por contacto com as áreas esquerda e direita da espinha dorsal, um formato usado para a almofada central da bandolete.

O desenvolvimento das conchas almofadadas é importante por três motivos: conforto, estabilidade na cabeça e atenuação passiva. A espuma é uma escolha óbvia para as conchas almofadadas, mas os engenheiros da Dyson investigaram mais a fundo a composição dos diferentes tipos de espuma para selecionar o material mais adequado com base na densidade, na taxa de compressão e na taxa de reposição da posição original, elementos que alteram a forma como a cabeça é pressionada.

Quando se escolhe a espuma ideal para as almofadas das conchas e da bandolete, é importante equilibrar o conforto proporcionado, a sua estabilidade ao moldar-se ao ouvido, mas, em especial, o benefício acústico que oferece. A moldagem ao ouvido aumenta o tamanho dos pontos de contacto, proporcionando um melhor isolamento e impedindo a entrada de ruídos urbanos adicionais no ouvido.

A almofada é propositadamente mais lisa do que as almofadas para os ouvidos convencionais tanto para fins de atenuação como de conforto e as almofadas apresentam ângulos em linha com os ângulos do ouvido na cabeça para proporcionarem o máximo de conforto.

Um esforço global

Os auscultadores purificadores do ar Dyson Zone™ foram desenvolvidos por equipas que trabalham no Reino Unido, Singapura, Malásia e China, sendo que os campus do sudeste asiático são particularmente concentrados na vertente do software.

O desenvolvimento e a integração da app constituíram um projeto fundamental para garantir um percurso de conexão fluido e proporcionar funcionalidades inteligentes e eficazes de deteção da poluição do ar e sonora. A robustez e a durabilidade são vitais num produto que é usado fora de casa.

Tal como acontece com todos os aparelhos Dyson, os auscultadores purificadores de ar Dyson Zone™ foram também testados ao extremo, em câmaras com temperatura controlada, testes de queda, testes do material e do tecido, robustez do botão e muito mais.

Os engenheiros especializados em testes no Centro de Desenvolvimento da Malásia da Dyson são centrais neste processo, colocando o dispositivo à prova em climas mais quentes e mais húmidos em comparação com o do Reino Unido, onde têm lugar os testes principais.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.