Os médicos costumam prescrever antibióticos para tratar a infeção urinária ou da bexiga, um problema de saúde que afeta sobretudo o sexo feminino. Estes fármacos matam as bactérias que revestem o canal urinário, mas a doença tende a reaparecer. As infeções que provocam um desejo frequente e urgente de urinar, ardor e dor durante a micção, devem-se à bactéria E. Coli, que costuma deslocar-se do intestino para a uretra e bexiga.

Como prevenir o problema

- Limpe a sua zona genital de frente para trás depois de defecar e após uma relação sexual.

- Beba dois litros de água por dia, para urinar mais e, assim, limpar a bexiga e o trato urinário.

- Evite a roupa interior sintética ou collants muito justos, que favorecem a proliferação bacteriana.

- Use tampões em vez de pensos higiénicos.

Quando ir ao médico

Se não passar em 48 horas ou se tiver dores na região inferior das costas, urina com sangue, febre, náuseas ou dificuldade em urinar, deve procurar de imediato apoio especializado.

Remédios naturais a que pode recorrer

«Tome um xarope ou ampolas de arando vermelho (cranberry), 3 g ou duas colheres de sopa de 4 em 4 horas», aconselha João Beles, naturopata. Esta planta tem substâncias que ajudam a evitar que a E. Coli adira às paredes das mucosas das vias urinárias e renais. Pode também comer ou beber sumo de mirtilo (arando azul), que «não é tão eficaz como o vermelho mas também exerce alguma acção, essencialmente preventiva», explica o especialista.

João Beles aconselha ainda a ingestão de muitos líquidos (no mínimo, meio litro por hora). Para aliviar a dor, o especialista recomenda que coloque uma botija de água quente sobre o abdómen. Além disso, um banho quente com 20 gotas de óleo essencial de sândalo pode acelerar a cura. Experimente!

Texto: Madalena Alçada Baptista com João Beles (naturopata)

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.