O álcool não aquece, pelo contrário. O álcool faz com que o sangue se desloque do interior do organismo para a superfície da pele, provocando uma sensação de calor. Todavia, este movimento de sangue provoca uma perda de calor interno, dado o sangue se encontrar a uma temperatura de 37ºC, temperatura que é quase sempre superior à temperatura ambiente.
 
Esta reação acentuada pela inibição da produção de ADH (Hormona Anti-Diurética), levando a uma maior taxa de excreção de água pelo rim e aumentando a desidratação celular por ela provocada.

 Esta reação é facilmente comprovada, quando acontece uma ressaca, que por sua vez leva a uma elevada necessidade de beber água, resultante da desidratação causada pelo álcool.

 Para se manter quente, é preciso preparar-se para o frio. Torna-se fundamental manter-se em locais climatizados, vestir roupa quente e ingerir bebidas quentes (ex.: chá, cevada) e alimentos quentes (ex.: sopa).

 Por isso, como pode ver, pode aquecer-se com facilidade, com opções saudáveis e económicas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.