Não comece uma dieta sem falar com um dietista ou com um nutricionista. Se necessita mesmo de perder peso, consulte um especialista que se encarregará de detetar o seu problema, organizando um plano alimentar adequado à sua idade, ao seu metabolismo e à sua atividade física. Se o fizer por sua conta pode correr graves riscos de saúde. Não se torne obsessivo, seja constante e não se deixe levar pela pressa.

Como alertam regularmente os profissionais do setor, é muito mais saudável e duradouro perder peso pouco a pouco, sem sofrer de carências nutricionais, do que fazê-lo de repente, voltaria a ganhar o peso perdido de forma igualmente rápida. Conheça, de seguida, algumas das oito principais regras que deve seguir para conseguir perder peso.

A parte branca dos legumes é mais light? 15 crenças que engordam que urge desmistificar
A parte branca dos legumes é mais light? 15 crenças que engordam que urge desmistificar
Ver artigo

1. Equilibrar as refeições

Faça um pequeno-almoço completo com uma grande variedade de alimentos e concentrando nesta primeira refeição do dia a maior quantidade de nutrientes, em especial hidratos de carbono, que lhe darão energia. O almoço, por outro lado, deve ser rico em proteínas, verduras e fruta (vitaminas, minerais e fibras) e incluir o resto da quantidade diária recomendada de hidratos de carbono. Ao jantar, opte sempre por uma refeição mais ligeira.

2. Comer e mastigar devagar

O sinal de que está saciado demora, sensivelmente, 30 minutos a chegar ao cérebro. Assim, se comer muito depressa, nesse espaço de tempo comerá mais. Não consegue demorar a comer? Conte as vezes que trinca, de forma a mastigar cinco vezes cada garfada. Verá que vai acabar por deixar comida no prato...

3. Distinguir fome de gulodice

Com fome come-se o que aparece, com gulodice come-se o que sabe melhor. Depois de reconhecer esta diferença, se cair no pecado da gula compense, comendo menos na refeição seguinte.

4. Prevenir a ansiedade

Para isso são essenciais os intervalos a meio da manhã e a meio da tarde. Os especialistas recomendam que não se salte nenhuma das cinco refeições diárias, evitando, claro, a pastelaria industrial, os snacks rápidos e outros alimentos ricos em calorias. Opte por fruta fresca, que é muito saciante, iogurte, pão integral ou uma barra de cereais.

5. Ter o essencial no frigorífico

Faça uma lista detalhada dos alimentos de que necessita e compre unicamente o que escreveu nessa lista, sem se deixar seduzir por promoções ou ofertas. E vá ao supermercado depois de comer: o estômago cheio vai impedi-lo de comprar outras tentações.

6. Pesar-se uma vez por semana

Defina um dia e uma hora para se pesar. Fazê-lo todos os dias será frustrante porque poderá não perder nem um grama e, se descuidar este hábito, corre o risco de ganhar peso sem se aperceber disso.

7. Beber infusões adelgaçantes

As bebidas diuréticas, à base de flor de sabugueiro, de chá de cavalinha, de marroio ou de alcachofra, são indicadas para eliminar toxinas. As bebidas lipolíticas e termogénicas, como o chá verde, o chá de folha de laranjeira, as algas, o boldo e o hissopo, ajudam a reduzir os depósitos de gordura e estimulam a sua combustão. Para além disso, estará sempre bem hidratado.

8. Escolher alimentos inteligentes

Os mais aconselháveis são legumes, frutas e verduras, porque são ricos em fibra, tal como a farinha integral, o pão integral e as massas integrais, só para citar alguns. Também deve optar por alimentos com poucas calorias e com um índice glicémico baixo, são mais leves e digerem-se mais facilmente.

Texto: Ana Catarina Alberto

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.