De acordo com uma série de estudos da Columbia Business School, manter um segredo não só exerce um peso emocional, como pode provocar danos físicos e diminuir a produtividade. Guardar um segredo é semelhante a carregar fisicamente um peso, referem os trabalhos de Michael Slepian, professor assistente naquela universidade e co-autor do estudo.

Segundo este investigador, "estar preocupado com um segredo no trabalho pode ser desmotivante". "Se estiver menos motivado para ultrapassar esses desafios, o seu desempenho pode ser afetado", conclui.

O problema dos segredos é preocuparem quem os carrega. Quanto mais se pensa neles, mais desgaste motivacional, intelectual e pessoal provocam, indica este conjunto de estudos publicado na revista Social Psychological and Personality Science.

De acordo com o especialista, que trabalhou com investigadores das universidades de Wake Forest e Stanford, a melhor solução é partilhar os segredos com colegas ou amigos. "Às vezes, as pessoas sentem que a coisa certa é guardar um segredo, mas ao fazê-lo podem estar a sujeitar-se a consequências negativas", alerta.

Ao contrário do que se possa pensar, estes estudos concluiram que não são as mulheres as primeiras a revelarem um segredo, mas sim os homens. Estes já nem esperam para encontrar-se com os amigos para dar com a língua nos dentes.

Praticamente metade dos homens que participaram no estudo admitiram que passavam a informação nos minutos seguintes. Já as mulheres disseram aguentá-lo por, pelo menos, três horas e meia.

Se falar do problema em voz alta não for possível, há outras alternativas: o investigador norte-americano sugere, por exemplo, escrever o segredo num diário ou num fórum online onde não se conheça ninguém.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.