A abordagem moderna ao Hatha Yoga tem cada vez mais adeptos e para esse facto muito tem contribuído Jean-Pierre de Oliveira.

O fundador do Yoga-Spirit especializado em Hatha Yoga Funcional assenta as suas aulas na ideia de que todos os corpos são diferentes e que por esse motivo, devem ser treinados com a consciência funcional do mesmo, respeitando os seus limites e a capacidade física.

E é neste encontro natural entre professor-aluno que reside o seu sucesso, já que as suas práticas são orientadas de uma forma personalizada. Se tem ideia que o Yoga não é para si porque não vai conseguir atingir determinadas posturas, este pode ser o método que procura.

Jean-Pierre de Oliveira, autor do livro “Slowliving Yoga” tem a preocupação de relembrar nas suas aulas que a execução dos Asanas (posturas) mais do que uma representação estética idealizada, devem ser adaptadas às condicionantes físicas do praticante. Ou seja, quem faz yoga não tem que se esforçar em recriar a postura esteticamente perfeita. A postura deve ser, sim, adaptada à estrutura esquelética e às capacidades do praticante.

Jean-Pierre de Oliveira
Hatha Yoga Funcional créditos: Jean-Pierre de Oliveira

Um método que se adapta a si

O Yoga Funcional tem contribuído para que cada vez mais pessoas se juntem ao Yoga-Spirit, pelo fator adaptabilidade. De uma forma geral, o yoga é uma metodologia fantástica disponível para todos, mas é de facto importante perceber que o tipo de yoga que necessitamos nem sempre é aquele que mais gostaríamos de praticar... Forte, dinâmico, intenso, lento, calmo ou mais restaurativo?

É o caso da Vinyasa Flow, uma prática de Hatha Yoga dinâmica, com base em alinhamentos biomecânicos. Outra das práticas é o Yin Yoga, ou seja, o Hatha Yoga, num registo lento e seguro.

Na primeira opção trabalha-se a elaboração de posturas encadeada num ritmo mais dinâmico, com mais consciência nos músculos, nas articulações e nos ossos, onde o controlo das forças da gravidade e dos movimentos é primordial para a prática em segurança.

Por outro lado, nas aulas de Yin Yoga são elaboradas posturas estáticas que permitem um trabalho mais profundo nos tecidos conjuntivos (fáscia: tendões, ligamentos), baseadas no alinhamento ósseo natural.

No Yoga não se trata de ser mais flexível ou mais forte, mas de encontrar o ponto ótimo de equilíbrio para a saúde interior e física.

Saiba mais sobre este método no site do Yoga Spirit.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.