Os pelos costumam encravar porque os mesmos tendem a curvar-se quando estão a crescer e voltam a penetrar na pele criando uma inflamação cujo nome é pseudofoliculite. Esta é visível na pele, já que todo o processo inflamatório cria zonas vermelhas chegando a ficar roxas, pequenos altos duros e muitas das vezes produção de pus. Os pelos são mais frequentes nas axilas, virilhas e pernas nas mulheres, mas zonas como rosto, nuca e pescoço são mais propensas nos homens. Infelizmente não há uma solução que seja imbatível, uma vez que cada pelo varia de pessoa para pessoa e há pessoas muito propensas a criarem inflamações deste género e que, muitas das vezes, só lancetando (abrir e drenar). No entanto, há algumas atitudes que pode tomar para prevenir os pelos encravados:

Esfoliar
Antes de mais deverá saber se faz irritação com uma esfoliação. Experimente numa área pequena e veja como reage. A esfoliação é excelente porque remove as células mortas da pele, deixando a mesma mais fina, o que facilita o rompimento do pelo.

Hidratar
Tal como a esfoliação, a hidratação irá fazer com que a pele fique mais macia e fina, facilitando assim a saída do pelo.

Depilação
É certo que a depilação a cera é mais duradoura e enfraquece os pelos, mas também não ajuda no sentido em que desacelera o crescimento do pelo e torna-o mais fraco, isto é, ao tentar romper, o pelo vai encontrar uma barreira que é a nova camada de queratina (proteína fibrosa que protege a parte externa da pele), o que faz com que se encurve e perfure de novo a pele, em vez de crescer naturalmente.
O ideal é que intercale a depilação a cera como a lâmina ou creme depilatório. Assim, a pele também irá descansando e o pelo irá crescer mais forte. Não obstante, independentemente da técnica de depilar que utilize, faça sempre a mesma no crescimento do pelo.

Não use roupas apertadas
O use de roupa muito apertada pode funcionar como tampão, impossibilitando o crescimento normal do pelo. Como tal, evite o uso excessivo de roupa justa.

Produtos
Existem pomadas ou cremes com antibiótico ou com ativos como ureia, ácido retinóico, entre outros, que ajudam na inflamação e podem evitar pelos encravados a longo prazo. Informe-se antes de usar algum.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.