O final do ano passado foi marcado por várias desavenças na família real britânica, especialmente entre os príncipes Harry e William. Uma das coisas que mais deu que falar foi o postal de Natal da realeza em 2019, no qual apareciam apenas os sucessores ao trono britânico - rainha Isabel II, o príncipe Carlos, o William e o filho mais velho, o príncipe George.

Na época, a imprensa internacional referiu que Harry tinha sido excluído do retrato propositadamente, rumores comentados agora por Robert Lacey no seu novo livro - 'Battle of Brothers'.

"Segundo fontes, esta fotografia formal, tirada na Sala do Trono do Palácio de Buckingham uma semana antes do Natal de 2019, foi ideia do príncipe Carlos, ansioso para promover a sua causa de uma monarquia mais restrita. Fontes do palácio também revelaram que o plano de mostrar a linha direta de sucesso ao trono foi muito apoiada pelo príncipe William, que não comentou - mas que queria enviar ao irmão mais novo uma mensagem", lê-se no livro.

Importa notar que este Natal, Harry regressará ao Reino Unido. Espera-se que esta seja a ocasião ideal para que resolva todos os assuntos que ficaram 'pendentes' após o seu afastamento da realeza.

Leia Também: Príncipe Carlos é única esperança de reconciliação de Harry e William

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.