Se as suas flores nem sempre se dão bem no local onde as coloca, sombra e pouca água podem ser uma solução.

«Uma vez que me mudei recentemente para uma casa com imenso espaço para a prática de jardinagem, há uns tempos não resisti em comprar três vasos de lindos ciclames e aconselhada pela vendedora coloquei-os no interior, num local muito iluminado sem sol directo, com o cuidado único de regar pouco», justifica Teresa Pinto, leitora da revista Jardins.

«Passado uma semana, todas as flores estavam murchas, tombadas por completo, abaixo do nível superior da bordadura dos vasos. Num rasgo misto de raiva e desespero (porque não era a primeira vez que tal me sucedia), decidi desistir de lutar pelos ciclames e coloquei-os lá fora ao sabor de todas as intempéries numa altura de mau tempo, frio e chuva em excesso. Confesso que os abandonei», desabafa.

Algum tempo depois, teve, no entanto, uma agradável surpresa. «Já não pensava nos ciclames quando o meu filho de 5 anos, passadas duas semanas, veio ter comigo a correr, a gritar. Mamã, não vais acreditar, disse. Levada por ele, não consegui esconder a emoção que senti ao contemplar os meus ciclames robustos, cheios de vida e de cor».

«Com que então pouca água!», pensou de imediato. «E assim se têm mantido. Encontram-se agora num local de sombra completa e continuam cheios de flor ao contrário de muitos que vejo por aí», regozija-se.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.