Marianne de Groot-Pons  é uma investigadora que quis procurar uma solução criativa para o problema dos polinizadores e ao mesmo salvar a Terra. A ideia transformou-se num projeto chamado 'Faça o mundo florescer'.

Sabemos que as máscaras que utilizamos diariamente devido à Covid-19 estão a causar muita poluição ambiental, numa altura em que centenas de milhões são usadas todos os dias. Por este motivo, Marianne criou máscaras biodegradáveis ​​que incluem sementes de flores no interior.

“Depois de muito tempo a ver máscaras azuis descartáveis ​​espalhadas ​pela cidade, acordei numa manhã com a ideia de máscaras de sementes de flores biodegradáveis. A Terra agradece e as abelhas também”, disse Marianne de Groot-Pons ao site espanhol Cultura Inquieta.

A máscara é feita de uma mistura de papel de arroz biodegradável. Já os cordões são feitos de pura lã de ovelha e caixas de ovos vegetais, fixados com cola à base de fécula de batata e água. Até a tinta do carimbo é biodegradável.

Caso seja descartada na natureza, esta máscara vai desaparecer e transformar-se em flores, tais como centáurea, gipsófila e endro.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.