Com o novo registo de aulas online em casa, senti necessidade de organizar, individualmente, o material escolar de cada um dos meus filhos (com três e cinco anos) para que possam ser autónomos na gestão das tarefas escolares diárias.

Lápis de cor, lápis de cera, canetas, borrachas, papelinhos para colagens e afins fazem parte do dia a dia de uma criança no jardim de infância e, por isso, devem estar facilmente ao seu alcance.

Como já fazia habitualmente, reciclo todos os materiais (caixas de madeira, de cartão, frascos de vidro) para utilizar na organização da casa.

Para criar uma caixa de materiais para cada um, utilizei uma caixa de madeira de vinho, sem tampa, pois permitiu-me colocar o material necessário para realizar as tarefas escolares, incluindo do vários manuais e blocos de folhas.

Em casa e com duas crianças pequenas, Joana Nunes conta-nos como distribui as tarefas domésticas
Em casa e com duas crianças pequenas, Joana Nunes conta-nos como distribui as tarefas domésticas
Ver artigo

Para organizar os vários tipos de lápis e canetas, reutilizei frascos de compota, frascos de mel e copos de iogurte (sim, têm utilidade além da cozinha) e o resultado não podia ter sido melhor. Para os lápis de cera e borrachas - materiais mais baixinhos - utilizei copos de iogurte; para as canetas de ponta grossa, frascos de mel; para os restantes lápis de cor (de ponta fina e ponta grossa), utilizei frascos de compota.

Tendo em conta a idade dos meus filhos, as colas (batom e bisnaga) e as tesouras, por questões de segurança – e manutenção do espaço de trabalho limpo - estão colocadas dentro de um frasco do mel num local em que é necessário solicitar a ajuda de um adulto para lhes aceder. Quem tem filhos no jardim de infância sabe, seguramente, qual o fascínio por cola e colagens sem fim das crianças.

organização
Lápis de cor de ponta grossa num frasco de mel; canetas num frasco de compota e lápis de cera num copo de iogurte. créditos: Blogue "Camomila Limão"

Com a organização dos materiais num caixa para cada um, permito que desenvolvam a sua autonomia, pois não têm de solicitar a ajuda do adulto constantemente, para realizar as suas tarefas. Por outro lado, ficam responsáveis pela manutenção da sua caixa limpa e arrumada: pequenos passos que contribuem para a formação de adultos autónomos e responsáveis.

Por aqui, a estratégia tem funcionado lindamente! Apenas necessito de colocar, diariamente, a caixa da MC [a filha de Joana] na sua secretária de trabalho (pois não consegue suportar o peso da mesma) e verificar o estado de arrumação de limpeza de ambas caixas ao final do dia; o FM [o filho de Joana], com cinco anos, já é responsável por colocar a sua caixa de material na mesa de trabalho e, ao final do dia, arrumar a mesma no escritório.

Aproveitar o que temos em casa dando-lhe uma nova vida é, sem dúvida, uma solução prática, sem custos e amiga do ambiente.

Concorda?

Joana Andrade Nunes

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.