Mantenha o cérebro jovem e não tenha medo de fazer figuras!

Experimente os exercícios de neuróbica (programa que assenta no facto do cérebro possuir plasticidade, isto é, quanto mais exercitado for, mais ágil se tornará) que lhe propomos, da autoria de Lawrence Katz, professor de Neurobiologia.

1. Escreva ou escove os dentes utilizando a mão esquerda (se for destro),
vista-se mantendo os olhos fechados ou vire uma fotografia de pernas para o ar e observe-a com atenção, concentrando-se em pormenores nos quais nunca tinha reparado.

Quando for trabalhar, utilize um percurso diferente do habitual ou introduza pequenas mudanças nos seus hábitos quotidianos,
transformando-os em desafios para o seu cérebro.

2. Os adjectivos são uma espécie de lápis
de cor da linguagem, permitindo-nos descrever e diferenciar algo. Folheie uma revista e procure uma fotografia que lhe chame a atenção. Agora escreva 25 adjectivos que ache que a descrevem e/ou ao tema fotografado.

3. Quando for a um restaurante, tente identificar os ingredientes que compõem o prato que escolheu e concentre-se nos sabores mais subtis. No final, tire a prova dos nove junto do empregado.

4. Ao entrar numa sala onde esteja muita
gente, tente determinar quantas pessoas estão do lado esquerdo e do lado direito. Identifique os objectos que decoram
a sala, feche os olhos e enumere-os.

5. Seleccione uma frase de um livro e tente formar uma frase diferente utilizando
as mesmas palavras.
Experimente
jogar a qualquer
coisa que nunca
tenha tentado antes.

6. Compre um puzzle e tente encaixar
as peças correctas o mais rapidamente que conseguir, cronometrando o tempo. Repita a operação e veja se progrediu.

7. Experimente memorizar aquilo que precisa de comprar no supermercado, em vez de elaborar uma lista. Utilize mnemónicas
ou separe mentalmente o tipo de produtos que precisa. Desde que funcionem,
todos os métodos são válidos.

8. Recorrendo a um dicionário, aprenda uma palavra nova todos os dias e tente
introduzi-la (adequadamente!)
nas conversas que tiver.

9. Ouça as notícias na rádio ou na televisão
quando acordar. Durante o dia escreva os pontos principais de que se lembrar.

10. Ao ler uma palavra pense em cinco que comecem com a mesma letra.

Veja na página seguinte: Os exercícios que agilizam o cérebro

Neurofitness

Em complemento destas acções, pode ainda executar exercícios visuais, matemáticos e de raciocínio que estimulam a criatividade de resolver problemas e agilizam o cérebro.

Para desenvolver os lobos frontais do cérebro

Esta zona está envolvida no planeamento
e na criatividade. O primeiro
exercício que lhe propomos consiste em escrever ou desenhar uma história. se no sofá, encoste-se e imagine-se algures no futuro ou num outro planeta.

O objectivo é afastar-se do presente
e do local onde está através da imaginação. Quanto mais ricas forem as imagens mentais que criar, melhor será para as células nervosas envolvidas.

Para desenvolver a memória

Este exercício envolve quase todo o cérebro. Sente-se confortavelmente, afaste as recordações
negativas e reconstrua mentalmente
a história da sua infância.

Junte pedaços de recordações e forme uma narrativa coerente. Tente lembrar-se
dos cheiros, sons, cores, locais,
animais e pessoas que fizeram parte
do seu passado.

Para desenvolver o hemisfério esquerdo (envolvido nos raciocínios lógicos)

Imagine objectos e, mentalmente, deforme-os, altere-lhes o peso e a textura
(imagine, por exemplo, uma pêra quadrada ou com anéis à volta como Saturno). Puxe pela imaginação e brinque
com formas, medidas e pesos.

Para desenvolver a percepção

Pegue em
objectos que lhe sejam familiares, feche os olhos e visualize-os mentalmente, utilizando o tacto para detectar a textura,
ângulos, forma, peso e temperatura. Este exercício envolve várias áreas
sensoriais.

Para desenvolver o córtex cerebral

De olhos fechados escreva o seu nome numa
folha. De seguida tente escrever palavras
e frases cada vez mais complexas.

Não se preocupe com o resultado final, pois o objectivo é que o córtex visual desenvolva um maior esforço, melhorando
a sua percepção visual.

Quer
saber mais?

Visite o blog http://www.neurofitness.info, da responsabilidade do Instituto da Inteligência, sediado no Porto, e dirigido por Nelson Lima, neuropsicólogo.

Este organismo agrupa uma rede de gabinetes e de consultores (entre outros) de Portugal, Brasil, Espanha e Inglaterra, especializados na prestação de serviços
de Psicologia Integral, Nneuropsicologia, Mental Training, Coaching,
Educação e Formação.

Texto: Teresa d'Ornellas com Lawrence Katz (professor de Neurobiologia) e blog Neurofitness

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.