A velhice é equivocadamente considerada um período de estagnação, de declínio e de perdas e dificuldades ao nível da participação e envolvimento nos mais variados contextos.

Para que a população mais velha possa desfrutar, nas melhores condições, é necessário levar a cabo um conjunto de iniciativas que promovam o envelhecimento ativo, tendo sempre em conta as necessidades bio-psico-sociais, recursos humanos e materiais disponíveis.

A promoção de um envelhecimento ativo e saudável tem sido um caminho apontado como resposta aos desafios relacionados com o aumento da esperança média de vida da população, que se espera que seja com qualidade de vida e sobre o qual a Fundação AFID Diferença tem refletido e investido.

Atendendo ao aumento do número de casos de demência, a par com o crescente envelhecimento da população, têm surgido nos últimos anos algumas intervenções que promovem o envelhecimento ativo e uma eventual desaceleração dos processos degenerativos, como as demências.

Impõe-se uma intervenção neuropsicológica, através de programas de estimulação cognitiva e/ou sensorial. A AFID, dando continuidade às Unidades de Neuro-estimulação (UNE, UNE+) destinadas à população idosa com demência institucionalizada (resposta social Estrutura Residencial para Pessoas Idosas - ERPI) ou no domicílio (resposta social Serviço de Apoio domiciliário - SAD), tem vindo a implementar um novo projeto na área sénior, que se designa de UNE TEC.

AFID Diferença
créditos: AFID Diferença

Com este projeto pretende-se promover a utilização das novas tecnologias na área da estimulação cognitiva junto de pessoas idosas (com demência ou défice cognitivo ligeiro), que estejam em contexto domiciliário ou em contexto institucional.

O projeto pressupõe a utilização de uma ferramenta informática que permita a implementação de programas personalizados de treino cognitivo, disponibilizando um conjunto de exercícios dirigidos aos diferentes domínios cognitivos, orientados por profissionais ou por cuidadores das pessoas idosas.

Trata-se de um apoio especializado ao nível da estimulação cognitiva e da reabilitação cognitiva com recurso às novas tecnologias, cujos objetivos principais são: aumentar a qualidade e a capacidade das respostas às pessoas com demência ou com défice cognitivo ligeiro; promover o envelhecimento ativo saudável; e potenciar a formação aos cuidadores formais e informais no âmbito da estimulação e reabilitação.

Estudos demonstram que a estimulação cognitiva e a reabilitação cognitiva têm efeitos positivos na memória e raciocínio, diminuição dos sintomas de depressão e melhoria ao nível da comunicação. A utilização das novas tecnologias deve ter por base os resultados das avaliações diagnósticas e pressupõem a definição de um plano de desenvolvimento individual.

Um dos objetivos passará pela estimulação cognitiva, que consiste num conjunto de atividades que estimulam a cognição em geral, o que acontecerá com uma periodicidade adequada para cada beneficiário.

A utilização de um treino cognitivo, através de exercícios de computador dirigidos às várias funções mentais, é sempre centrada num profissional com experiência em psicologia e/ou reabilitação cognitiva, que prescreve sessões de treino de acordo com a avaliação neuropsicológica da pessoa idosa.

O profissional também monitoriza todo o processo pela assiduidade, taxa de utilização, evolução e dificuldade do processo de treino. O projeto será implementado na UNE e UNE +, já existentes, e possibilitará uma intervenção mais especializada junto dos idosos e aumentar o número de intervenções em ERPI e SAD.

Em resumo, o uso de recursos de computação desenvolvidos para estimulação cognitiva, quando comparado com técnicas tradicionais, parecem ser uma boa alternativa face ao custo benefício.

Deste modo, o desenvolvimento de novas tecnologias, o uso de recursos de computação na reabilitação dos problemas neurocognitivos tem sido uma área em franca expansão e de mais valia na melhoria na qualidade da intervenção junto da população idosa.

Texto escrito por Teresa Reis, Psicóloga Clínica na Fundação AFID Diferença

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.