Está longe de ser a opinião de quem procura perder peso, passa a vida em dietas e regimes e não o consegue mas, de acordo com os especialistas, emagrecer é mais fácil do que parece. Na verdade, actualmente comemos tão mal, que basta adoptar algumas regras nutricionais básicas para emagrecer dois ou três quilos em três semanas. Coma sem excessos nem sacrifícios, seguindo as recomendações de Iara Rodrigues, nutricionista:

- Coma cinco porções de fruta e verduras por dia

Têm muito poucas calorias mas contêm hidratos de carbono e fibras, que aumentam a sensação de saciedade, bem como vitaminas e minerais, indispensáveis para manter a pele e o cabelo bonitos. Além disso, a fruta tem a vantagem de ser facilmente transportável. Ande sempre com, pelo menos, uma peça de fruta na mala.

- Ingira regularmente leguminosas

As leguminosas são muito saciantes, pobres em calorias, sobretudo se as cozinhar sem gorduras nem proteínas animais. Além disso, contêm fibras e aminoácidos essenciais. Use-as como substitutos de outros alimentos na sua alimentação diária!

- Faça cinco refeições por dia

Este é um daqueles conselhos que deve mesmo seguir, logo a partir do pequeno-almoço, que deve tomar preferencialmente em casa, antes de sair para o trabalho. Habitue-se a fazer este número de refeições diariamente. Desta forma mantém o seu metabolismo activo.

- Não salte refeições nem as substitua por bolos ou snacks

Este é um erro que muita gente comete. Este tipo de alimentos apenas contêm calorias vazias, isto é, com zero nutrientes. Devem, por isso, ser evitados.

- Passeie sempre depois de comer

Para queimar calorias não há melhor. Se não gosta de caminhar, aproveite e visite um centro comercial, uma exposição ou até mesmo um jardim. Dessa maneira, vai estando sempre entretida e nem sequer repara que está a andar.

- Não coma à frente da televisão

Se o fizer, perde a consciência do que está a comer e fá-lo de forma mecânica, sem se aperceber das quantidades ingeridas. Se tem este hábito, está na altura de pensar em revê-lo ou até mesmo acabar com ele. A sua imagem agradece!

- Nada de doces nem snacks

Quem evita a ocasião, evita o perigo. Do mesmo modo que deve evitar ir ao supermercado ou ao hipermercado com fome e com a barriga vazia, porque vai ter muito mais vontade de comprar tudo e de experimentar tudo, deve evitar este tipo de petiscos, que têm tanto de sedutor como de traiçoeiro.

Veja na página seguinte: A ementa antifome que a especialista recomenda

A ementa antifome que Iara Rodrigues recomenda:

- Pequeno-almoço

Deve incluir laticínios magros com cereais ou bolachas integrais sem açúcar. O pão integral, que contém hidratos de carbono e fibra, também é uma boa opção. E não se esqueça da fruta!

- Meio da manhã e lanche

Deve fazer uma merenda para não desfalecer e evitar petiscar. Independentemente do lugar onde estiver, escolha entre três bolachas Maria com um café ou uma infusão ou um iogurte magro, uma pera, maçã ou quivi ou duas fatias de fiambre de peru com queijo fresco com 0% de gordura. Desta forma, fará uma pausa saudável e nutritiva.

- Almoço

Uma sopa de legumes, uma porção de hidratos de carbono (uma fatia de pão integral, duas colheres de arroz branco ou três colheres de leguminosas), um bife de frango, peru ou vitela grelhado ou um filete de pescada, além de uma peça de fruta ou um iogurte magro.

- Jantar

Tem de ser ligeiro, uma vez que, enquanto dorme, queima poucas calorias. Deve incluir preferencialmente uma sopa de legumes, frango ou peru grelhados ou peixe cozido ou grelhado, uma peça de fruta ou um iogurte magro.

Texto: Madalena Alçada Baptista