“Imagino que dentro de um mês sensivelmente devemos ter a clínica a funcionar”, afirmou Rui Luís, à margem da conferência sobre o percurso da oncologia nos Açores, em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, para assinalar o Dia Mundial de Luta Contra o Cancro.

Segundo o governante, o Governo Regional está “só à espera que a entidade em causa, a empresa Joaquim Chaves [que vai gerir a estrutura], termine as questões de licenciamento”, adiantando que a Direção-geral da Saúde “já emitiu a licença provisória”.

Rui Luís salientou que o executivo açoriano apostou na realização dos tratamentos de radioterapia na região, “para permitir que as pessoas nesta fase importante da luta contra essa doença possam estar junto da família, próximas de sua casa”.

A este propósito referiu que há um ano está a funcionar em Ponta Delgada uma clínica de tratamentos de radioterapia, insistindo que “muito em breve” estará a funcionar outra na ilha Terceira. “Será um avanço significativo para que o tratamento seja feito com um nível de proximidade muito maior”, realçou.

O centro de radioncologia da ilha Terceira, localizado em Angra do Heroísmo, vai servir utentes das ilhas do grupo central do arquipélago, que inclui ainda Pico, Faial, Graciosa e São Jorge. Trata-se de um investimento até dois milhões de euros.

Veja ainda17 sintomas de cancro que os portugueses ignoram

Leia também: Estes 10 alimentos são potencialmente cancerígenos

Saiba mais: Estas 10 coisas do dia a dia podem provocar cancro

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.