"Pelo menos 60 das mais de 200 pessoas a bordo do navio apresentaram resultado positivo para COVID-19", afirmou uma fonte do ministério da Saúde Pública uruguaio.

Até a momento, o Governo permitiu o desembarque de seis passageiros com "risco de vida".

Os demais passageiros e os integrantes da tripulação permanecem retidos na embarcação, ancorada a 20 km do porto de Montevidéu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.