Em declarações à agência Lusa, a chefe da divisão de intervenção social da autarquia defendeu que este projeto é “uma mais-valia para a cidade” porque possibilitar que “as pessoas passem o maior tempo possível nas suas casas e não tenham de procurar respostas sociais que não existem”.

Ana Moreno disse ainda que o “Apoio ao Cuidador” conta com uma verba executada de cerca de 70 mil euros e que o número de cuidadores interessados nos serviços continua a crescer.

Segundo a chefe da divisão de intervenção social da Câmara da Amadora, até ao final de 2022, participaram “408 pessoas no projeto, contabilizando 31 ações de informação e 210 horas de apoio aos funcionários das instituições particulares de solidariedade social (IPSS)”.

Este projeto é direcionado a cuidadores informais e a cuidadores formais, tendo as ações para os funcionários das instituições sociais começado já no início do ano.

As inscrições são gratuitas e a primeira formação dedicada aos cuidadores informais acontece em 14 de abril.

As formações presenciais vão ser realizadas na Biblioteca Municipal e vão abordar três áreas: a literacia em saúde (o envelhecimento, doença de Alzheimer, demências e cuidados paliativos), a comunicação e desenvolvimento pessoal (comunicação com a pessoa doente e estratégias de autocuidado) e aspetos práticos do cuidar (prevenção de quedas, alimentação e hidratação, entre outros).

Segundo a Câmara da Amadora, o índice de envelhecimento (65 ou mais anos) no concelho, incidia nos 22,2% em 2021, o que motiva a autarquia a capacitar tanto os cuidadores informais, que trabalham e cuidam de doentes dependentes, como os cuidadores formais, nomeadamente do serviço de apoio domiciliário e do centro de dia do concelho.

O projeto “Apoio ao Cuidador” é promovido pela Câmara Municipal da Amadora, através de um protocolo com a Cooperativa LinQue e a Fundação AFID Diferença, no âmbito do Plano Estratégico para o Envelhecimento Sustentável do município, em vigor até 2025.

Esta é uma iniciativa que, recentemente, recebeu um selo de mérito e integrou a Amadora na rede de autarquias que adotam as melhores práticas e medidas de apoio em benefício dos cuidadores informais.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.