Um novo estudo conduzido na Universidade de Worcester e publicado no The Journal of Steroid Biochemistry and Molecular Biology, descobriu que dietas com baixo teor de gordura diminuem os níveis de testosterona dos homens em 10-15%.

Os níveis ideais de testosterona são essenciais para a saúde dos homens. Os baixos níveis de testosterona estão associados a um maior risco de doenças cardíacas, diabetes e doença de Alzheimer. Níveis saudáveis de testosterona também são essenciais para o desempenho atlético dos homens, saúde mental e saúde sexual.

Desde a década de 1970, houve uma diminuição nos níveis médios de testosterona dos homens e as taxas de hipogonadismo (testosterona clinicamente baixa) têm aumentado. Estratégias dietéticas de baixo risco podem ser um tratamento útil para a baixa testosterona.

O estudo foi uma revisão sistemática e meta-análise, que combinou os resultados de 6 estudos controlados com um total de 206 participantes. Estes estudos colocaram primeiro os homens numa dieta rica em gordura (40% de gordura) e, em seguida, foram transferidos para uma dieta com baixo teor de gordura (20% de gordura), e descobriram que os seus níveis de testosterona diminuíram em 10-15% em média.

Particularmente más eram as dietas vegetarianas com baixo teor de gordura, causando diminuições na testosterona de até 26%.

Os autores associaram os seus resultados a estudos semelhantes conduzidos em humanos e ratos. Estes estudos descobriram que o alto consumo de gorduras monoinsaturadas encontradas no azeite, abacate e nozes pode aumentar a produção de testosterona.

No entanto, as gorduras poli-insaturadas ómega 6, predominantemente encontradas em óleos vegetais, podem danificar a capacidade das células de produzir testosterona. Isto ocorre porque as gorduras altamente insaturadas, como as poliinsaturadas, são mais propensas à oxidação, o que causa danos às células.

Os autores afirmaram que são necessários mais estudos nesta área. O investigador principal, Joseph Whittaker, afirmou: “Idealmente, gostaríamos de ver mais alguns estudos para confirmar os nossos resultados. No entanto, esses estudos podem nunca surgir, porque, normalmente, os investigadores querem encontrar novos resultados, não replicar os antigos. Enquanto isso, homens com baixa testosterona deveriam evitar dietas com pouca gordura".

A gordura dietética é um tópico controverso na ciência nutricional, com os proponentes de várias dietas frequentemente em total desacordo (baixo teor de gordura vs baixo teor de carboidrato). Os benefícios de dietas com baixo teor de gordura, como níveis reduzidos de colesterol, devem ser avaliados contra as desvantagens potenciais, como níveis reduzidos de testosterona.

Tradicionalmente, as diretrizes dietéticas têm se concentrado em limitar a ingestão de gordura, com as diretrizes atuais do Reino Unido e dos EUA a limitar a ingestão de gordura a menos de 35% do total de calorias. No entanto, à medida que mais estudos sobre os benefícios das dietas com alto teor de gordura e baixo carboidrato são feitos, esta visão tradicional está a ser cada vez mais examinada.

Nos últimos anos, as dietas ricas em gordura demonstraram diminuir os triglicerídeos, diminuir a pressão arterial, aumentar o colesterol HDL (também conhecido como "colesterol bom") e, agora, com este estudo mais recente, aumentar os níveis de testosterona.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.