"Prefira pinturas à base de água, porque são menos propensas a reações adversas e aplicam-se facilmente, com um pincel apropriado ou uma esponja molhada. Estes produtos encontram-se à venda em lojas de brinquedos ou de bijuteria e em supermercados", alerta a DECO em comunicado.

Para esta associação, as pinturas devem ser usadas apenas por crianças com mais de 3 anos e, de preferência, somente em ocasiões festivas. 

10 hábitos que estão a destruir a sua pele
10 hábitos que estão a destruir a sua pele
Ver artigo

"Em caso de reação, como vermelhidão ou borbulhas, remova de imediato a maquilhagem, lave muito bem com água e não torne a aplicar. Notifique a ocorrência ao Infarmed e, se a situação persistir, vá ao médico. Leve o produto consigo", refere a associação.

As palavras "hipoalergénico" ou "dermatologicamente testado" não são garantia de que o produto é mais seguro, refere a DECO. "O uso da alegação 'hipoalergénico' não garante uma completa ausência de risco de uma reação alérgica, enquanto 'dermatologicamente testado' apenas significa que foi testado em humanos. Não se deixe enganar também pelo símbolo CE: os cosméticos não requerem esta marcação", lê-se na nota.

Fique longe destes ingredientes potencialmente tóxicos:

  • Fragrâncias alergénicas.
  • Propyl e buthylparaben (parabenos usados como conservantes).
  • Butylphenyl methylpropional (BMHCA).
  • Ethylhexyl methoxycinnamate (conhecido como OMC, suspeito de interferir com a fertilidade).
  • Benzophenone-1 e Benzophenone-3.
  • Precursores de formaldeído (dmdm hydantoin, imidazolidinyl e diazolidinyl urea).
  • Polyaminopropyl Biguanide (PHMB) (conservante).
  • BHA.
  • Triclosan.
  • Cyclotetrasiloxane.
  • Sodium Lauryl Sulfato - SLS (apenas em produtos que ficam na pele).
  • Hydroxyisohexyl 3 cyclohexene carboxaldehyde: a sua utilização foi proibida em produtos cosméticos, mas encontra-se em fase de retirada do mercado, até agosto de 2021. Por isso, ainda pode encontrar produtos com este ingrediente à venda em Portugal.

A DECO recomenda ainda que, no caso das crianças, se tiverem pele sensível ou com tendência para alergias, deve optar-se por produtos sem perfume.

Outros conselhos

  • Respeite o prazo de validade ou o período após abertura (PAO). Para tal, escreva a data de abertura na embalagem.
  • Deite fora as pinturas já usadas com cheiro a ranço e se verificar que há uma separação entre camadas mais espessas e outras mais líquidas.
  • Mantenha limpos os acessórios em contacto com a maquilhagem, como pincéis, esponjas e espátulas, entre outros. Lave-os com água e sabão e deixe-os secar por completo antes de voltar a usar.
  • Siga as instruções de uso indicadas no produto.
  • Não inclua verniz para as unhas na toilette, pois contém solventes. Evite também as lantejoulas e purpurinas à volta dos olhos.
  • Passe primeiro um creme hidratante na cara ou no corpo: vai proteger a pele e facilitar a remoção das pinturas. No final, a limpeza do produto deve ser completa, para não deixar qualquer vestígio de maquilhagem.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.