A renovação da nova ala pedagógica, a organização de uma exposição retrospetiva histórica das iniciativas mais emblemáticas e a edição de um livro com o levantamento descritivo do espólio do Museu do Pão são as principais atividades previstas ao longo do ano. Além de completar 10 anos de atividade, o Museu atingiu em 2012 um milhão de visitantes.

O projeto que nasceu com o objetivo de elevar o património, a história, os sabores e os saberes do Pão Português, nas suas vertentes etnográfica, política, social, história, religiosa e artística, surge integrado na paisagem exuberante da Serra da Estrela e compreende um complexo museológico de 3.500 m2, com diversas salas expositivas, um restaurante, um Bar-Biblioteca, uma Mercearia Antiga e um Atelier de Arte em Pão.

O Museu do Pão dispõe de quatro salas expositivas que pretendem exibir e recriar as várias vertentes do pão português: “O Ciclo do Pão; “O Pão Político, Social e Religioso, “A Arte do Pão” e a “Sala Pedagógica - O Mundo Fantástico do Pão.

Desde a sua abertura que o Museu do Pão mostrou 18 Exposições Temporárias e realizou 74 Tertúlias Culturais, tendo como objetivo a troca de conhecimentos entre diferentes personalidades do panorama nacional.

O Museu dispõe ainda de Restaurante, que funciona como um verdadeiro centro de investigação gastronómica onde se redescobrem e se revalorizam os antigos sabores da terra portuguesa; o Bar-Biblioteca, onde se a realizam as já famosas Tertúlias Culturais, a Mercearia antiga, que comercializa os vários tipos de pão que o museu produz, para além de outras iguarias típicas regionais e o Atelier de Arte em Pão com peças em massa de pão.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.