Ann-Kristin veio para Lisboa ainda adolescente na companhia da família (o pai é oficial da marinha) mas quando eles partiram, ela, já a atingir a maioridade e lançada como modelo, decidiu ficar. Desde pequena que se lembra de gostar de comer bem e guarda até hoje fotos suas sentada na bancada da cozinha, a ajudar o pai. “Sempre fui muito gulosa, o que era um problema quando ainda trabalhava como manequim”, desabafa sem o menor sentimento de culpa, o que a levou a começar sobretudo pelos bolos — “fazia para oferecer e tinha imenso trabalho, já que os embrulhava em papel celofane, colocava cartões...”. Os colegas raramente comiam os seus doces, mas elogiavam-na e incentivaram-na a seguir em frente. Com menos o que fazer na moda, e arrumado o sonho de ser atriz, ela dedicou-se a cozinhar mais, criou o blogue Flirt Gourmet e foi atrás de estágios de cozinha; o que não foi nada fácil — “as pessoas não me levavam a sério, achavam que não estava disposta a trabalhar duro” —, mas acabou por passar por lugares como o restaurante Bastardo ou o hotel Four Seasons Ritz Lisbon.

A participação no MasterChef, onde entrou graças à sua bola de gim, deu-lhe maior visibilidade e ensinamentos muito úteis, em especial na área do empratamento. A ideia de se dedicar ao catering surgiu como um prolongamento natural, até porque se apercebeu de que faltava no mercado português algo intermédio entre o muito sofisticado e os banais croquetes e sanduíches. Neste meio tempo, realizou um casamento, cozinhou para eventos de marcas como a Montblanc, a Águas das Pedras ou a Planura, mas não descarta nenhum tipo de oportunidade desde que se encaixe naquilo que é o seu diferencial. Falar em preços é sempre complicado, porque variam muito em função do número de pessoas, do que se pretende e até do que se quer gastar, mas adianta que num almoço ou jantar em casa, para seis pessoas, o preço justo andará à volta dos 300 euros ou dos 40 euros por cabeça. De todo o modo, além de estar marcado para breve o lançamento do seu primeiro livro (onde não só reinterpreta receitas clássicas portuguesas como dá dicas e ensinas truques), Ann-Kristin quer descomplicar ao máximo o acesso aos seus préstimos, pelo que vem ai um novo site (e um novo nome para a sua empresa, por enquanto ainda no segredo dos deuses) onde, promete, terá propostas de menus a um preço base.

Por João Miguel Simões, texto (follow me on Instagram @jmigsimoes)

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.