Em 2011, a revista Drinks International iniciou uma lista em que reúne as marcas de vinhos mais admiradas do mundo. Este 2020, duas empresas portuguesas viram os seus vinhos reconhecidos na referida lista. A Symington e a Esporão, respetivamente em 7.ª e 13.ª posições na lista, estão entre as 50 marcas eleitas.

A “The World’s Most Admired Wine Brands 2020” resulta das preferências de profissionais do setor de 48 países, nomeadamente dos proprietários de garrafeiras e bares, críticos de vinhos, jornalistas especializados na área, indústria vinícola e vitivinícola, retalho, importadores e distribuidoras, entre outros.

Aos participantes foi solicitado que listassem as três marcas de vinho que mais admiravam, tendo em consideração diferentes parâmetros como a notoriedade da marca (também junto do consumidor), reconhecimento geral nas respetivas regiões.

O processo de seleção decorreu em parceria com a empresa especializada em estudos de mercado, Wine Intelligence.

Em mensagem deixada no Instagram a Symington reagiu afirmando: “Estamos satisfeitíssimos por termos sido eleitos para o Top 10 das Marcas de Vinho Mais Admiradas do Mundo de 2020. Sentimo-nos muito honrados por estar entre produtores lendários como Torres, Penfolds, Antinori, Veja Sicilia, Catena Zapata e Cloudy Bay, entre outros. Temos um imenso orgulho por toda a nossa equipa que tornou possível este reconhecimento”.

Integram o portefólio da Symington marcas como a Graham´s, Quinta do Vesúvio, Quinta do Ataíde, Altano.

Também a Esporão reagiu no Facebook ao reconhecimento internacional, afirmando que “é a primeira vez que fazemos parte deste ranking, com entrada direta para o 13º lugar. Somos uma das duas produtoras portuguesas presentes, ao lado da Symington. Sentimos que este reconhecimento é resultado do trabalho de todos e uma motivação extra para olharmos o futuro com esperança e vontade de fazer mais e melhor”.

Do portefólio da Esporão, no Alentejo, fazem parte néctares como Torre, Esporão reserva, Monte Velho, Vinha dos Andorinhos (petit verdot).

Na mesma lista a argentina produtora de vinhos Catena Zapata figura em primeiro lugar nas preferências do painel de jurados. Trata-se de uma vinícola familiar, localizada na região de Mendoza. A casa foi fundada em 1902 pelo imigrante italiano Nicola Catena

Seguem-se, respetivamente na segunda e terceira posições, a Penfolds, marca Australiana e a Torres, produtor espanhol.

Fundada em 1967, a revista Drinks International dedica a sua informação ao mercado global de bebidas espirituosas, vinhos e cervejas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.