Não duvidávamos da capacidade da Better World, responsáveis do festival Rock in Rio, em produzir um festival à altura no norte do país. Desde 2016 que os responsáveis - Edgar Gouveia e Manuel Osório - do restaurante Castas & Pratos, no Peso da Régua, procuravam uns parceiros à altura que levassem a sua ideia avante, criar um festival que aliasse na perfeição a música, o vinho e a gastronomia, tudo isto num local idílico e inspirador, e, em setembro, vai mesmo acontecer.

A região vinícola do Douro é uma das paisagens mais marcantes de Portugal e é por isso que a primeira edição do Wine & Music Valley será feita no Porto Comercial de Cambres. Para quem dispensa GPS e mapas, fiquem a saber que este festival será realizado mesmo em frente à estação ferroviária do Peso da Régua, ou seja, muito fácil de chegar através de comboios de qualquer parte do país. Ao lado da estação, fica o restaurante Castas & Pratos e, do outro, o Hostel inDouro Hostel & Wine Bar.

Como a ideia do Wine & Music Valley nasceu dentro do restaurante Castas & Pratos, estivemos à conversa com Chef Tiago Moutinho, que estará presente no Chef's Stage, o palco dedicado à gastronomia onde vários autores farão show cookings e cujos pratos poderão ser comprados pelos visitantes do festival. A 'jogar em casa', Tiago Moutinho falou connosco e revelou qual será o prato que apresentará no dia 15 de setembro.

“Vou apresentar, principalmente, uma gastronomia duriense à altura, com pratos relacionados com a nossa zona. O prato que irei apresentar no show cooking será o arroz de pato com queijo mozarela e enchidos de porco bísaro, muito típico desta zona, de fácil convenção e de fácil saída”, começou por dizer o chef de Carrazeda de Ansiães ao SAPO Lifestyle.

Tiago Moutinho, de 31 anos, passou pelo restaurante Flor de Sal, em Mirandela, estagiou na cidade do Porto com o Chef Cordeiro e Chef Vítor Matos [também presente no festival], sendo residente do Castas & Pratos há 11 anos.

“Vou querer que o público interaja durante a minha apresentação, mostrar os produtos do Douro, além de, sem dúvida, aprender coisas com os meus colegas", tais como o Chef Rui Paula e Miguel Castro e Silva.

Os ‘festivaleiros’ também podem aproveitar a visita à região duriense para almoçar no restaurante durante o evento. Tiago Moutinho deixa algumas sugestões: “Vieiras com creme de ervilha, presunto desidratado e lima (provado e aprovado por nós); Robalo com cremoso de brócolos e Medalhões de vitela”.

Recinto está a ser montado no Porto Comercial de Cambres

A pouco mais de duas semanas do evento, os palcos já estão a ser preparados no recinto, que conta com umas vistas deslumbrantes para o Rio Douro e para a cidade do Peso da Régua. São esperados cerca de 15 mil pessoas nesta primeira edição, contando com diversas atrações para além de música e gastronomia. A Wine Experience será um dos atrativos do festival, contando com sessões de aromaterapia, massagens com grãos e o pisar das uvas num lagar. Uma Roda Gigante também estará presente para ter (ainda) melhores vistas sobre o cenário, que se espera idílico.

Mapa do festival Wine & Music Valley 2019
Mapa do festival Wine & Music Valley 2019

Aproveite para fazer uma visita à Quinta da Pacheca

A poucos metros do recinto está a Quinta da Pacheca. A primeira referência a esta quinta data de 1738, embora a produção vitivinícola só tenha começado a ser fomentada com José Freire de Serpa Pimentel, em 1903. Em 2006, venceu o prémio nacional Best of Wine Tourism na categoria "Experiências Inovadoras de Enoturismo", atribuído pela rede Great Wine Capitals.

Aqui, durante o evento, pode aproveitar para fazer uma visita e prova de vinhos numa das quintas mais emblemáticas da região do Douro, estando ainda representada no Wine & Music Valley, tanto na Wine Village como na Wine Experience.

“Vamos tentar abranger toda a nossa produção DOC, tanto nos brancos como nos tintos, até algo mais especial, de reserva, e, claro, vinhos do Porto. Deixamos o convite para fazer uma visita à nossa Quinta, vamos estar abertos durante o festival, tal como estamos todo o ano, mas marquem a visita no site, por favor. Além de provas de vinho, podem acompanhar uma típica vindima e as lagaradas… Deixo aqui o desafio para entrar no lagar, seria espetacular para os visitantes. Alojamento é que já não temos mesmo nada para os dias do festival...”, lamentou Sandra Dias, diretora-geral adjunta da Quinta da Pacheca.

Tudo sobre a primeira edição do Wine & Music Valley

No dia 14 de setembro, atuam os The Black Mamba, que trazem ao Douro temas como “Stronger” e “Believe” do seu mais recente disco de originais, The Mamba King. Pelo mesmo palco e dia passarão OMIRI, projeto de electrofolk desenvolvido por Vasco Ribeiro Casais (Dazkarieh); a brasileira Tainá, que se encontra a lançar o seu primeiro trabalho em Portugal; e Serushiô, projeto composto na sua essência por Sérgio Silva e José Vieira que traz ao festival o rock do Norte com um forte travo de blues e folk.

No dia 15, o destaque do Wine Stage vai para o soul dos HMB e os ritmos de Cabo de Verde dos Fogo Fogo. O cartaz deste dia conta, ainda, com o rock dos portuenses Bang Bang Romance e a fechar o palco nesta primeira edição, o DJ set de Xinobi e Anna Prior, também conhecida por ser a baterista dos britânicos Metronomy.

Já pensou fazer glamping num festival? No Wine & Music Valley vai ser possível
Já pensou fazer glamping num festival? No Wine & Music Valley vai ser possível
Ver artigo

Recorde-se que do Douro Stage já fazem parte grandes nomes nacionais e internacionais como o lendário Bryan Ferry, ex-Roxy Music e autor de êxitos como “Slave to Love” (1985) ou “Let’s Stick Together” (1976), que atuará na primeira noite do festival (14 de setembro). No mesmo dia também atuará Mariza, uma das maiores vozes do fado da atualidade, António Zambujo e Salvador Sobral, que dispensam apresentações. DJ Vibe e Rui Vargas serão os responsáveis por comandar a cabine do DJ durante a primeira noite do Wine & Music Valley. No dia 15 de setembro, o brasileiro Seu Jorge promete um concerto único e intimista, de voz e violão. O cantor, compositor e multi-instrumentista é conhecido, também, pelo seu trabalho como ator, com participações em vários filmes como “Um Peixe Fora de Água”, de Wes Anderson, “Cidade de Deus”, de Fernando Meireles ou “Tropa de Elite II”, de José Padilha. Neste dia, o palco principal do recinto recebe ainda a atuação dos míticos e eternos Xutos & Pontapés, além do hip hop dos Wet Bed Gang e da encantadora voz de Carolina Deslandes.

Gastronomia em palco com Estrelas Michelin

No Chef’s Stage, palco que coloca a gastronomia no centro do entretenimento, haverá espetáculos protagonizados por conceituados chefs, entre live cooking shows e degustações. É o caso de Miguel Castro e Silva, responsável pela cozinha de restaurantes como Casario ou Lumni e que se prepara para abrir um novo projeto no Douro (na Quinta de Ventozelo) já em Setembro. No dia 14 de setembro o chef sobe ao palco com uma performance certamente inesquecível, assim como Vítor Matos, chef distinguido com uma Estrela Michelin, e o visionário Pedro Pena Bastos, “maestro” do Ceia, em Lisboa. Neste palco a música junta-se à gastronomia e, no primeiro dia de festival, Fernando Alvim ficará responsável pela banda sonora.

A 15 de setembro, o Chef’s Stage apresenta-se, novamente, com um cartaz de luxo, desta vez com Rui Paula a encabeçar o dia. O chef dos restaurantes DOC, DOP e Casa de Chá da Boa Nova, distinguido em 2016 com uma Estrela Michelin, levará a palco um espetáculo gastronómico único e especial. Nesse mesmo dia apresenta-se, também, Tiago Bonito, chef que trocou Lisboa por Amarante estando, agora, à frente do restaurante Largo do Paço (Casa da Calçada Relais & Chateaux), também com uma Estrela Michelin; e Tiago Moutinho, chef do referenciado restaurante duriense Castas e Pratos (Peso da Régua).

No segundo dia do evento, a música volta a estar presente no Chef’s Stage com o projeto Rua das Pretas, criado pelo franco-brasileiro Pierre Aderne, numa performance-tertúlia ao vivo que materializa, num só momento, o conceito do festival, ligando vinho e música. Este mesmo projeto apresenta-se, também, na VIP Village a 14 e 15 de setembro, reunindo músicos e enólogos num ambiente de música, descontração e partilha de garrafas com o público portador de bilhete VIP.

Para fechar a programação do Chef’s Stage, o crítico de vinhos e gastronomia Fernando Melo será o moderador convidado em ambos os dias, responsável por orquestrar os vários momentos, garantindo a interação entre chefs, convidados e público. “A par do brilhante e profundo trabalho que os chefs, académicos e imprensa estão a desenvolver, os momentos de contacto com o grande público são fundamentais, porque a mesa portuguesa é espaço de partilha e todos, sem exceção, estão abrangidos” afirma o moderador.

Grandes vinhos do Douro na Wine Village

O Wine & Music Valley apresenta-se como o primeiro festival totalmente inspirado no vinho, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento e divulgação da Região Demarcada do Douro. Realizado em plena época de vindimas, dentro do recinto do evento haverá uma Wine Village dedicada aos produtores e vinhos da região, sendo já conhecidas as primeiras presenças: CARM, Ramos Pinto, Porto Cruz, Quinta do Portal, Casa dos Varais, Adega de Favaios, 100 Hectares, Quinta da Rede, Casa dos Fontes, Quinta das Lamelas, Quinta do Mourão, Quinta da Barroca, Quinta do Pessegueiro, Quinta da Serôdia, Quinta Seara D’Ordens e Quinta de Cottas.

Bilhetes e informações úteis

Os bilhetes para o festival já podem ser adquiridos online através do site oficial do evento, em wineandmusicvalley.com (sem taxas de venda ao cliente), ou das plataformas Blueticket, Festicket e Seetickets, estando também disponíveis nas lojas Worten, FNAC, ACP, Phone House e, ainda, El Corte Inglès e Turismo de Lisboa.

Além dos bilhetes diários (25€) existe, também, a possibilidade de adquirir passe geral, com acesso aos dois dias de evento (40€). Para quem prefere uma experiência VIP, com acesso a zonas exclusivas dentro do recinto e a possibilidade de participar em experiências premium, o bilhete pode custar 60€ (diário VIP) ou 100€ (passe VIP).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.