Concebida nos tempos da II Guerra Mundial, quando os cereais escasseavam, a Feira da Colheita que se realiza anualmente em Arouca é tida como a mais antiga do género no país. Este ano, longe de privações, pelo menos no que respeita a bens essenciais, a feira decorre entre 21 e 24 de Setembro. O objectivo inicial era tornar o concelho auto-suficiente em termos de produção cerealífera. Para isso foram organizados, em 1944, os concursos de Melhor Seara, Melhor Fruta, Melhor Adega, Melhor Linho e o concurso de Raça Bovina Arouquesa. Ao mesmo tempo, foram promovidas exposições agrícolas e de artesanato. Hoje em dia, o único concurso que subsiste é o Concurso Pecuário da Raça Arouquesa, logo no primeiro dia do certame.
É esta a feira responsável pela preservação de muitas das tradições folclóricas do concelho de Arouca. Os usos e costumes, como as desfolhadas, as espadeladas e as ceifas, os cantos e as danças, os trajes e as cerimónias, que constam todos os anos do programa da Feira, são parte integrante da cultura da região.
Por isso, a não perder este ano, a Feira da Colheita recorda as tradições de outrora e aposta também em novos valores da música, numa mostra gastronómica, em debates e concursos relacionados com o mundo rural.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.