Um dos motivos de atração no que toca a gastronomia deste Festival Ibérico do Javali, no concelho de Reguengos de Monsaraz, Alentejo, tem lugar as 17h30 de sábado, 24 de fevereiro, momento em que o chefe Carlos Galhardas, diretor criativo na empresa Miguel Laffan (restaurante L’And Vineyards premiado com uma estrela Michelin), vai fazer um showcooking intitulado “Paladares do Montado”.

Ainda na vertente culinária, um restaurante com pratos confecionados à base de caça estará em funcionamento permanente no decurso do festival.

Na sexta-feira, 23 de fevereiro, às 14h30, decorrerá o colóquio “O javali e os seus impactos no ecossistema e na gastronomia” (Casa Paroquial de São Marcos do Campo).

Alentejo: Gastronomia e música no primeiro Festival Ibérico do Javali

A 24 de fevereiro o programa do festival agenda às 9h00 uma montaria ao javali. Pelas 14h00 atuam o Grupo Coral Os Bel’Aurora de Campinho e os grupos de música tradicional alentejana EnCanta Modas e Al-Canti.

No mesmo dia, tem lugar uma noite transfronteiriça com as atuações do grupo instrumental Os Lírios do Campo, pelas 19h00, e do grupo espanhol Voces Al Alba, às 21h30.

No domingo, último dia do Festival Ibérico do Javali, às 11h30 vai cantar o Grupo Coral Gente Nova de Campinho e pelas 14h30 sobe ao palco o grupo de música tradicional Brisas do Alentejo.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.