As dicas que aqui deixamos aplicam-se a saladas prontas a consumir (4ª gama), assim como a saladas produzida em casa a partir de vegetais adquiridos.

- No momento da compra a temperatura do expositor de refrigeração tem de ser igual ou inferior a 4 ºC (saladas de 4ª gama).

- Ainda na compra, rejeite embalagens “inchadas”, pois poderão indicar uma fermentação do produto, folhas amarelecidas ou com sinais de podridão (saladas de 4ª gama).

- Ao abrir a embalagem confirme o odor. Se for ácido ou fermentado, os legumes não estarão em boas condições (saladas de 4ª gama).

- A higienização é muito importante. Mergulhe os vegetais durante 15 minutos em água com um pouco de vinagre (aproximadamente 15 gostas por litro de água). Lave-os, depois, em água corrente.

O segredo para fazer um leite de aveia caseiro perfeito

- Devemos evitar preparar saladas de folhas com muita antecedência. Estas tendem a murchar.

- Se incorporar legumes cozidos na salada tenha de reserva uma tigela com água e gelo. Quando os legumes cozerem, transfira-os para essa água. O cozimento é interrompido e o legume manterá uma textura firme.

- A fruta utilizada nas saladas deve ser bem lavada se consumida com a casca e aconselha-se que descaroce.

- Não junte à salada as folhas amarelecidas dos vegetais.

- No caso das saladas adquiridas prontas a consumir (saladas de 4ª gama), guarde no frigorífico o que sobrar dentro da embalagem de origem, fechada e sem ar. Em alternativa, conserve numa caixa de plástico, fechada para impedir a entrada de ar. Consuma no prazo de 24 horas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.