A grande final nacional do concurso Chefe Cozinheiro do Ano decorre a 15 de abril, entre as 10h00 e as 18h00, na FIL, em Lisboa. Depois de três etapas regionais que se realizaram no Porto, em Coimbra e em Setúbal, seis concorrentes apurados entre centenas de participantes preparam-se para disputar o título de Chefe Cozinheiro do Ano.

A 31ª edição daquele que é o maior e mais antigo concurso nacional de cozinha para profissionais terá transmissão em direto nas redes sociais das Edição do Gosto, que organizam o evento, criado em 1990 pela revista “Inter Magazine”.

Durante seis horas de prova, Cristina Fernandes (Restaurante Sála, Lisboa), Flávio Silva (Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra), Hugo Portela (Digby Restaurante & Bar, Porto), Marco Almeida (Hotel Quinta das Lágrimas, Coimbra), Tiago Lopes (Vila Foz Hotel & Spa, Porto) e Tony Martins (Jase Hotels & Resorts, Porto), terão de confecionar um menu composto por sopa, prato de peixe, prato de carne em tabuleiro e sobremesa.

Chefe Cozinheiro do Ano vai ser eleito após seis horas de competição
créditos: Edições do Gosto

As criações dos concorrentes serão avaliadas pelo júri do concurso formado por Alexandre Silva (Loco, uma estrela Michelin), António Loureiro (A Cozinha, uma estrela Michelin), Henrique Sá Pessoa (Alma, duas estrelas Michelin), Paulo Pinto, Ricardo Costa (The Yeatman, duas estrelas Michelin) e Ricardo Luz (Vencedor da edição 30ª edição do Chefe Cozinheiro do Ano). A presidência do júri está a cargo de António Bóia, do restaurante JNcQuoi.

Em paralelo com a final nacional, decorre o “Fórum Pensar Cozinha”, um espaço de debate e de divulgação de projetos, soluções e sinergias na gastronomia nacional. Este ano, o tema em discussão será a Cozinha Colaborativa, um conceito que ganhou expressão com a pandemia de COVID-19. Este fórum terá também transmissão em direto nas redes sociais das Edição do Gosto.

Devido ao atual contexto de pandemia, a final do concurso Chefe Cozinheiro do Ano não terá assistência ao vivo, tal como sucedeu nas etapas regionais que se realizaram ao longo de 2020.

Criado em 1990 pela “Inter Magazine”, o concurso Chefe Cozinheiro do Ano já premiou nomes de referência na cozinha nacional como Henrique Sá Pessoa, João Rodrigues, Vítor Matos, António Loureiro e Luís Gaspar.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.