O Ajitama volta a mergulhar na rica cultura gastronómica japonesa para trazer novas histórias e pratos para a capital através do menu Natsu Matsuri. Assim que os dias se tornam mais quentes, os japoneses preparam-se para os Matsuri, os tradicionais festivais que, no verão, equivalem aos meses mais vibrantes e coloridos do ano no Japão. Mais do que eventos físicos, os Matsuri são também um estado de espírito, um período de festa efusiva e uma verdadeira experiência cultural.  No Ajitama a celebração é feita com a energia tão particular dos Matsuri, através de uma carta de verão com pratos leves e saborosos.

Carta de verão do restaurante Ajitama é um festival de sabores frescos japoneses
créditos: Arnaldo Cellani Junior

No capítulo das entradas, o Ajitama tem agora uma Cheritomato Wadashi (4,2 euros), um prato que casa dois dos alimentos com mais umami, o tomate e o caldo dashi caseiro. Já a Tataki Kyuri (3,5 euros) é uma entrada que prepara o palato para o início da refeição — tal como indica o próprio nome do prato, Tataki significa “esmagar” e Kyuri “pepino”, sendo que o pepino esmagado acaba por criar fissuras em cada pedaço resultando numa maior absorção do molho condimentado.

Ajitama Ramen Bistro, de clube “secreto” em casa do António para um restaurante no centro de Lisboa

Se no inverno os ramens fervilhantes são um aconchego ao estômago, no verão quer-se o inverso e, por isso, entram na carta os caldos frios. O Cold Shoyu Ramen (13,2 euros) resulta da combinação do caldo Chin Tan de galinha com caldo dashi, servido com peito de frango marinado e fatiado, negi (cebolo), menma (bambu) e uma rodela de limão. Por sua vez, o Hiyashi Chuka (13,9 euros) é feito com noodles frios envolvidos em toppings frescos como camarão salteado, frango marinado, kinshi tamago (omelete de ovo cortada finamente), pepino, tomate e ovo ajitama, tudo condimentado com um molho caseiro frio. Pode ser pedida a versão picante, o Spicy Hiyashi Chuka (14,3 euros) que adiciona pimentos vermelhos e cujo molho é feito à base de sementes de sésamo e Ra-Yu, picante caseiro japonês.

Disponível está ainda uma nova salada, a Shabu-Shabu Salad (14 euros), composta por uma mistura de vegetais frescos, acompanhada por carne bovina cortada de forma fina, e um molho com notas de sésamo e soja. Para rematar a refeição, o Natsu Matsuri apresenta uma nova sobremesa: gelado artesanal japonês de wasabi (4,5 euros).

Ajitama

Avenida Duque Loulé, nº 36, Lisboa
Contacto: tel. 213 540 920; e-mail slurp@ajitama.pt

Relativamente às novas bebidas veranis, entram na carta a Ramune Japanese Soda (2,5 euros), Saké Onecup da Ozeki (4 euros) e o cocktail Shenlong Gin (8 euros), feito com gin, maracujá, bitter e clara de ovo.

Durante os meses quentes, esta seleção especial de pratos veranis vem complementar o já habitual menu do Ajitama. Ramens como o Shio (13,2 euros), Tonkotsu (15,3 euros) ou o Miso (14,3 euros) continuam a ser servidos no restaurante.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.