O traje desenhado por Christian Louboutin em parceira com a e-concept store francesa SportyHenri.com vai ser utilizado em ocasiões formais pelos mais de 100 atletas que integram a delegação cubana. As peças foram apresentadas esta sexta-feira em Lisboa.

“Durante os jogos olímpicos parece que estes atletas vestem os seus fatos e se transformam em super-heróis que desafiam a gravidade, o tempo e as leis da física”, referiu Henri Tai à agência France-Presse citada pelo site yahoo.com. “Nós desenhámos estas roupas celebratórias para o momento em que eles se voltam a transformar em humanos.”

Vermelho, azul e beige foram as cores escolhidas para esta coleção de roupa colaborativa que nasceu em Cuba. Segundo os designers a estrela de cinco pontas, presente nos casacos e sapatos, serve como amuleto de boa sorte.

“Temos em atenção a mistura da população cubana, dos atletas e tem de ser uma coisa que fique bem aos mais negros ou aos mais mestiços. E tem a ver também com as cores da sua bandeira”, referiu Tai sobre a coleção em entrevista à RTP1.

Se se questiona porque razão é que Christian Louboutin escolheu Portugal para apresentar esta coleção, a resposta poderá surpreendê-lo: o designer tem uma casa no litoral alentejano onde concebe parte das suas criações.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.