Um dia depois da Versace, a Coach e a Givenchy estão (também) debaixo de fogo na China por causa de uma t-shirt e pelas mesmas razões. A marca de Donatella Versace viu-se envolvida em polémica por causa de uma peça de roupa que apresenta, nas costas, uma listagem de cidades e de países e aponta Macau e Hong Kong, duas regiões administrativas governadas por políticos chineses, como nações independentes.

Coach e Givenchy também pedem desculpa à China. Consumidores apelam ao boicote

A da Coach, muito parecida, inclui Hong Kong e Taiwan, por muitos considerada uma província renegada por Pequim. Depois das críticas de muitos consumidores chineses nas redes sociais, a marca norte-americana já veio a público justificar-se. "A Coach respeita e suporta a soberania e a integridade territorial da China. Em maio de 2018, descobrimos um erro grave no design de algumas t-shirts", assume a empresa.

Versace envolvida em polémica na China por causa de t-shirt. Embaixadora da marca já se demitiu
Versace envolvida em polémica na China por causa de t-shirt. Embaixadora da marca já se demitiu
Ver artigo

Em comunicado, a companhia informa ainda que removeu imediatamente todo o stock de t-shirts dos seus canais globais. "Também revimos todos os outros designs para garantir que não existiam outros erros e reforçámos os nossos processos de desenvolvimento de produto internos para evitar a ocorrência de situações semelhantes no futuro. Temos a perfeita noção desse erro e lamenta-mo-lo profundamente", refere o documento. "Respeitamos os sentimentos da população chinesa e continuaremos a envidar esforços para continuar a oferecer-lhes produtos excecionais", assegura ainda a Coach.

A Givenchy, que cometeu o mesmo erro, também aproveitou a onda para fazer um pedido de desculpas públicas. "Foram tomadas de imediato medidas para retirar a t-shirt com o design errado de todos os mercados e adotados procedimentos para evitar a repetição de situações como estas no futuro", anunciou a etiqueta francesa. "Este erro não reflete o respeito profundo que a marca tem pelos consumidores chineses", garante.

Coach e Givenchy também pedem desculpa à China. Consumidores apelam ao boicote

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.