É muito frequente na juventude mas deixou de ser exclusiva dessa fase. Afeta cada vez mais mulheres adultas,
sobretudo devido a fatores hormonais.

O aparecimento da acne conta com a
influência de fatores hormonais, genéticos e
inflamatórios. Há um aumento da secreção
sebácea, uma alteração dos canais que
segregam o sebo e a presença de bactérias
que dão origem ao processo inflamatório
cutâneo.

É muito frequente na juventude
mas afeta cada vez mais adultos, sobretudo
mulheres. A maioria destas mulheres nunca
a teve na adolescência e os fatores que a
provocam são, especialmente, hormonais. Este problema cutâneo manifesta-se através de um aumento da secreção sebácea.
Surgem pontos negros e brancos,
borbulhas e, em casos graves, abcessos.
As lesões localizam-se, maioritariamente,
no rosto mas podem afetar também as
costas e o peito.

Independentemente do local do aparecimento, a pele fica com um aspeto gorduroso e borbulhento, bastante inestético e incomodativo. De acordo com Manuela Cochito, dermatologista, este tipo de pele piora se usar cremes oleosos
e comedogénicos. Certos medicamentos
também podem agravá-la e desencadear
o aparecimento de lesões de acne, como
as vitaminas do complexo B, o lítio ou os
corticoides. Usar cremes pouco gordurosos e
não comedogénicos evita o aparecimento de
lesões de acne.

O tratamento estético mais adequado para este problema

Na opinião de Manuela Cochito,
o tratamento dermatológico mais
adequado para uma pele com tendência
acneica é «o peeling, que ajuda na
resolução da acne e das marcas que
esta deixa. Em caso de cicatrizes mais
fundas, usa-se o laser fracionado ou um
peeling mais profundo, como o de TCA». Cada peeling custa cerca de 100 € e faz-se
isolado ou em séries. Cada sessão
de laser fracionado custa 300 € mas
pode variar consoante as áreas a tratar.

Conselhos da especialista

Gestos que vão deixar a sua pele mais limpa e resplandecente:

- Limpe a pele diariamente com uma
solução de limpeza desengordurante.

- Use cosméticos não comedogénicos
e sem óleos.

- Evite o uso excessivo de
maquilhagem
e cremes barreira.

- A utilização de cremes com ácido
retinóico é benéfica.

- Cremes com ácidos de frutos
AHA também são benéficos para
este tipo de pele.

Texto: Madalena Alçada Baptista com Manuela Cochito (dermatologista)

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.