A pensar na época natalícia e com o objetivo de reduzir o desperdício que se gera nesta altura, a much'ay - marca portuguesa de cosmética natural e artesanal - acaba de lançar as suas propostas para presentes de natal sem desperdício.

São cinco diferentes combinações de produtos da marca, incluindo champôs, amaciadores e sabonetes artesanais e biológicos e, também, a Kansa Wand (ferramenta de massagem ayurvédica) e o raspador de língua em cobre, duas grandes novidades da marca.

Todas as propostas natalícias são enviadas num prático e resistente saco em algodão reutilizável, evitando embrulhos e prolongando a sua vida.

Inspirada pela cultura Quechua (o nome da marca é na realidade uma palavra ancestral quechua com vários significados como “beijar”, “sagrado” e “adoração a divindades, a natureza") e procurando fazer o casamento perfeito entre uma abordagem contemporânea e ayurvédica, a much’ay surgiu em 2020, do desejo de um jovem casal em criar produtos únicos, sustentáveis e 100% naturais.

Lançada no coração da pandemia, mas preparada e testada durante mais de dois anos, a much'ay apresenta uma linha de cosmética natural com ingredientes ayurvédicos e biológicos certificados (certificação Cosmos/EcoCert), baseada numa política zero-waste, sustentável e vegan, de mãos dadas com o melhor que a natureza tem para oferecer.

A marca arrancou com uma gama de produtos artesanais para todo o tipo de cabelos, desde champôs sólidos para cabelos normais a oleosos a pintados, secos ou sensíveis, assim como amaciador sólido, sempre com ingredientes 100% naturais e orgânicos, contribuindo para a saúde capilar.

Para além disto, produzem também sabonetes artesanais, com propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas, indicados para todos os tipos de pele.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.