Dita assim, esta palavra pode não lhe ser familiar,
mas com certeza já ouviu falar de mesoterapia
sem agulhas.

A iontoforese é o processo mediante
o qual essa terapia sem agulhas é levada
a cabo.

É muito utilizada em tratamentos de beleza e de rejuvenescimento corporal.

Esta técnica, a que muitas celebridades internacionais já recorreram para exibir um rosto imaculado no ecrã ou nas muitas passadeiras vermelhas que habitualmente pisam em eventos de grande envergadura, consiste na emissão de uma corrente de
baixa intensidade que arrasta os ingredientes
activos através da pele e tem a vantagem de não
ser dolorosa nem provocar nódoas negras, algo
que costuma acontecer com a mesoterapia convencional.

Utilizada quer em medicina quer em
estética, a iontoforese tem as mesmas aplicações que a mesoterapia clássica, nomeadamente no que se refere a tratamentos antienvelhecimento, na redução da celulite e em tratamentos contra
as varizes, entre outras aplicações, como o tratamento da hiperidrose, sendo recomendável para pessoas com mãos e pés suados. Pelas suas características, este procedimento deve ser prescrito e acompanhado por um especialista, uma vez que as substâncias usadas podem gerar reações alérgicas em função das suas contraindicações.

A introdução de radicais químicos nos tecidos, através de um campo elétrico, produzido por uma corrente unidirecional, gera um processo de repulsão e de atração iónica, definida em função com a polaridade de cada elétrodo, causando uma interação com a membrana biológica. Consoante a substância injetada, pode ser usado em situações de vasodilatação (com o uso de produtos como o iodo/salicilato de metila-iodex), de anestesia (Mechoyl e Pomalgex), cicatrização de feridas (com o uso de óxido de zinco a 20%), relaxante muscular (xilocaina a 1%) e anti-inflamatório (com hidrocortisona ou diclofenaco de sódio.

Além da iontoforese, também existe a fonoforese, que recorre a um sistema de ultrassons terapêutico para a introdução de fármacos na pele do paciente. O objetivo é o mesmo. A forma de aplicação é que difere no método e nos procedimentos. Esta técnica também tem registado, nos últimos anos, um aumento crescente no que se refere à sua utilização em tratamentos de caráter estético.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.